Victor Rangel vira esperança de gols na Ponte

0

O último reforço da Ponte Preta foi oficialmente apresentado na tarde desta quinta (26/07) no Majestoso. O atacante Victor Rangel estava no futebol mexicano e chega com expectativas para suprir as deficiências do setor ofensivo alvinegro que tem o terceiro pior ataque entre os 10 primeiros colocados da Série B.

Na entrevista coletiva, Rangel reforçou que joga pelas beiradas do campo, como foi quando subiu com o Bahia em 2016 e no Ceará no ano passado. Nestes clubes, o atacante teve passagens discretas. O melhor momento foi no Guarani de Palhoça em 2015 quando foi artilheiro do Campeonato Catarinense com 11 gols em 15 jogos. Na equipe de Santa Catarina, ele jogou como centro-avante, posição que ele confessa se sentir mais à vontade dentro do campo.

Rangel estava negociando com o Paysandu, mas resolveu aceitar a proposta pontepretana, que veio posteriormente. O atacante disse que o fato de ficar mais próximo da família pesou na decisão por ficar em Campinas durante o segundo semestre.

Amigo de Danilo Barcelos, os dois se conheceram ainda na pré-profissionalização no Espírito Santo. Depois, foram campeões mineiro juntos. O atacante conversou com Barcelos antes de defender a Ponte, mas disse que isto não foi determinante para a decisão de jogar em Campinas. “A Ponte Preta é um time que dispensa comentários, não pensei duas vezes em vir pra cá.”

Victor Rangel ainda não tem presença garantida no próximo jogo da Macaca, sábado fora de casa contra o Coritiba. A decisão da comissão sobre o aproveitamento do reforço já na próxima rodada deve sair nesta sexta, quando o elenco faz o último treino antes da viagem para a capital paranaense.