O atacante Moisés deve permanecer no Moisés Lucarelli para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro.

O atleta tem contrato até o dia 30 de abril por estar emprestado pelo Concórdia. Agora, para seguir com o futebol do jogador, a Macaca precisará exercer o direito de compra dos 50% dos direitos econômicos por aproximadamente R$ 500 mil.

Em entrevista coletiva, o presidente Sebastião Arcanjo garantiu que a diretoria está se preparando para adquirir o passe de Moisés e garantir sua permanência na Série B.

“O Moisés foi uma aposta que deu certo e chamou atenção de outros clubes. Eu quero tranquilizar a torcida porque vamos comprá-lo. O Moisés é jogador da Ponte. Até o dia 30 os trâmites burocráticos estarão concluídos e tenho certeza que ele continuará dando frutos ao clube”, explicou.

O investimento em Moisés passou a ser um ponto de interrogação após a eliminação na Copa do Brasil – quando o clube perdeu a premiação de R$ 1,7 milhão -, além do investimento recente em Niltinho e Renatinho.

A ideia do departamento de futebol, entretanto, é de renovar com Moisés e ainda buscar um centroavante para deixar o sistema ofensivo ainda mais fortalecido.

Foto de Diego Almeida/Pontepress

Comente com seu Facebook