O apoio massivo do torcedor bugrino no Brinco de Ouro não foi o suficiente para que o Guarani conseguisse um resultado positivo diante do Goiás em duelo da 37ª rodada da Série B.

O Esmeraldino não se intimidou com o público campineiro e venceu por 2 a 0 com gols marcados por Élvis e Nicolas em falhas individuais do goleiro Rafael Martins.

TABELA
Com o resultado, o Goiás confirmou o acesso para elite do futebol nacional ao lado de Coritiba e do campeão Botafogo. Agora resta uma vaga para quatro times: Avaí (61 pontos), CRB (60), CSA (59) e Guarani (58). O jogo decisivo do Bugre será no domingo, diante do Botafogo, no Rio de Janeiro.

PRIMEIRO TEMPO
Embalado pelo apoio do torcedor que compareceu em grande peso, o Guarani partiu para o ataque e teve uma grande chance aos cinco minutos. Após cruzamento da esquerda, a bola sobrou para Pablo próximo da pequena área, mas o camisa 17 mandou por cima. A resposta do Esmeraldino veio como um balde de água fria para os bugrinos. Após falta cometida por Ludke, o meia Élvis bateu direto e a bola desviou em Pablo enganando Rafael Martins: 1 a 0 para os visitantes.

Após o gol, o Guarani começou a ficar pilhado, mas tentou se reorganizar emocionalmente e passou a ser mais agressivo no ataque. A partir deste momento surgiu um dos protagonistas do jogo: o goleiro Tadeu. Foram diversas defesas do camisa 1 do Goiás nos mais altos níveis de dificuldade.

Lucão do Break, Régis, Bruno Slva… todos paravam em defesas de Tadeu.

No segundo ataque do Goiás, aos 28 minutos, novamente um baque para o Guarani. Artur fez o levantamento para Nicolas vencer Rafael Martins e aumentar vantagem para 2 a 0.

SEGUNDO TEMPO
O segundo tempo foi do Guarani atacando e o Goiás tentando queimar o tempo. O Bugre criou com Índio, Júlio César e Lucão do Break, mas parou no goleiro Tadeu e nas finalizações para fora. O Goiás ainda teve a chance de ampliar com Dadá Belmonte em lançamento em profundidade, mas parou em Rafael Martins. O jogo só voltou a esquentar com um desentendimento de Nicolas com jogadores do Guarani. O Bugre ainda teve um período de blitz nos últimos cinco minutos, mas insuficientes e o placar prevaleceu para confirmar o acesso do Goiás.

Foto de Thomaz Marostegan/Guarani FC

FICHA TÉCNICA

QUEM JOGOU? Guarani e Goiás pela 37ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

ONDE? Estádio Brinco de Ouro, em Campinas

ESCALAÇÕES? O Guarani, escalado por Daniel Paulista, atuou com Rafael Martins; Mateus Ludke (Andrigo), Ronaldo Alves, Thales e Bidu; Bruno Silva, Índio (Allan Victor) e Régis; Pablo, Lucão do Break e Júlio César (Renanzinho). O Goiás, comandado por Glauber Ramos, atuou com Tadeu; Dieguinho, David Duarte, Reynaldo e Artur; Caio, Rezende, Felipe Bastos e Elvis (Luan Dias); Dadá Belmonte (Apodi) e Nicolas (Ivan).

GOLS? Élvis e Nicolas (Goiás)

QUEM APITOU? Bruno Arleu de Araújo

CARTÕES AMARELOS? Mateus Ludke, Dieguinho, Júlio César, Régis, Nicolas

VERMELHO? Nicolas (Goiás)

PÚBLICO E RENDA? 16.584 torcedores para uma renda de R$ 408.770,00

Comente com seu Facebook