Tiãozinho define diretor financeiro da Ponte e promete anunciar novos dirigentes até segunda-feira

0

Após a renúncia de José Armando Abdalla, o novo presidente da Ponte Preta, Sebastião Arcanjo, popularmente conhecido como Tiãozinho, começou o processo de reformulação na diretoria executiva do clube. Oito diretores entregaram o cargo como apoio ao antigo gestor e terão substitutos anunciados até segunda-feira.

ESPEL ELEVADORES

Tiãozinho já definiu que Fábio Abdalla, ex-diretor de patrimônio, será o diretor financeiro. O cargo era uma das principais urgências do novo presidente porque os compromissos financeiros só podem ser honrados mediante assinatura do presidente e do diretor que ocupar esta função.

Abdalla terá seu terceiro cargo no clube nos últimos cinco anos. Ele trabalhou com Vanderlei Pereira em 2014 para cuidar do patrimônio e depois foi responsável pela categoria de base já na gestão de José Armando em 2018.

Tiãozinho também anunciou que reduzirá o número de cargos internamente. O primeiro passo foi extinguir a categoria sub-23 e liberar os diretores Fábio Barrozo e Marcelinho Paulista das funções de coordenação de categoria de base.

Comente com seu Facebook