O técnico do Guarani, Ricardo Catalá, não ficou satisfeito com o trabalho da arbitragem na partida contra o Figueirense. O Bugre chegou abrir 2 a 0 contra os catarinenses, mas cedeu o empate e o comandante falou sobre o juiz na coletiva de imprensa.

“Eu acho que o resultado da partida tem uma parcela de responsabilidade da arbitragem que falhou em um lance capital do jogo. Quando um agente externo interfere diretamente na partida isso acaba fugindo do nosso controle”, explicou.

Catalá elogiou o comportamento ofensivo da equipe diante do Furacão, mas ressaltou a necessidade de ajustes na defesa que voltou a sofrer com a bola aérea.

“Conseguimos criar um pouco mais de situações de gol e o time teve um volume ofensivo bom. Mas defensivamente a gente ser mais equilibrado. Precisamos fazer mais gols e levar menos gols”, reiterou.

O próximo compromisso do Bugre será diante do Sampaio, no Brinco de Ouro, na terça-feira, na 12ª rodada da competição.

Foto de David Oliveira/Guarani FC