O momento financeiro difícil da Ponte Preta pode acarretar em outras consequências nas próximas semanas.

O departamento de futebol não descarta a negociação com valores das categorias de base como forma de dar saúde aos cofres da Macaca.

Um dos atletas mais valorizados no atual elenco é o meia Vinicius Zanocelo.

Constantemente convocado para Seleção Brasileira sub-20, o camisa 20 recebeu sondagens recentes de Palmeiras, Corinthians e Internacional. O estafe do jogador também planeja uma futura negociação com o exterior.

A diretoria pontepretana também monitora os passos de Xavier. Valorizado no Corinthians após receber contatos do futebol árabe, o atleta tem 40% dos direitos ligados ao clube campineiro e o repasse desse percentual não está descartado mesmo em caso de permanência no futebol brasileiro.

De acordo com o planejamento orçamentário aprovado para 2021, a Macaca espera ter receita de aproximadamente R$ 10 milhões com vendas de atletas.

TENTATIVA DE ACORDO
De acordo com reportagem do jornalista Elias Aredes, do jornal Todo Dia, o presidente Sebastião Arcanjo conseguiu reunir recursos para quitar parte da dívida com os atletas antes da partida contra o Náutico. O clube deve três meses de direitos de imagem, um mês de salários na CLT, décimo terceiro, férias e premiações. O pagamento total ainda está distante de ser realizado, mas o presidente espera diminuir o débito com o grupo de jogadores até sexta-feira.

Comente com seu Facebook