Sem sucesso no profissional, Yuri volta ao sub-20 da Ponte Preta

0

A última geração sub-20 da Ponte Preta, com jogadores nascidos em 1997 e 1998, é vista no clube como uma das mais promissoras em anos. Ravanelli, Saraiva, Emerson, Reynaldo, Felippe Cardoso e Ivan são alguns dos atletas que foram aproveitados recentemente. Um caminho aberto para o sucesso dos garotos, mas sem o rendimento dos principais expoentes da geração: o atacante Yuri.

Yuri tem 20 anos e ganhou projeção nacional ao ser goleador da Macaca na Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2017, o torneio mais famoso de base do país. Os sete gols anotados foram o cartão de entrada para o profissional, no time de Gilson Kleina. Mais de um ano deopis, porém, o jovem passa longe dos planos de Doriva e possui imagem ruim no clube.

Yuri recebeu todas oportunidades que pediu e não teve o rendimento esperado. Foram vinte jogos e apenas dois gols. Os excessos de gols perdidos, principalmente nos jogos que ostentou a 9 entre os titulares, fizeram que a comissão técnica optasse pela devolução do centroavante ao time sub-20.

A chegada de reforços como Junior Santos, Roberto e até mesmo a ideia de efetivar Luis Fabiano como contratação pesou contra a permanência de Yuri na equipe principal. A Macaca ainda acredita que o jovem terá um potencial pela frente, mas quer amadurecê-lo para mais oportunidades e não descarta um empréstimo no futuro.

Comente com seu Facebook