Marcelo Chamusca é o alvo da vez da diretoria do Guarani para assumir o comando técnico da equipe. Sem acerto com Umberto Louzer, o Bugre vê no treinador do acesso da Série C de 2016 o perfil ideal para gerir o atual elenco.

Em contato com a reportagem, Chamusca admitiu que aceitaria dirigir o Guarani e que tem muito respeito pela instituição. O treinador ainda revelou que chegou a negociar com o time campineiro na temporada passada, mas a negociação não evoluiu.

Financeiramente, Chamusca é mais acessível e barato em comparação com o estafe de Umberto Louzer. Porém, o Bugre precisaria investir mais em relação ao que injetava financeiramente para comissão técnica de Daniel Paulista.

Uma reunião é aguarda para esta quarta-feira, mas a equipe alviverde será dirigida por Ben-Hur Moreira na partida de amanhã, diante do Vasco da Gama, em Manaus.

Foto de Letícia Martins/Guarani FC

Comente com seu Facebook