O presidente da Ponte Preta, Marco Antônio Eberlin, concedeu entrevista com exclusividade ao programa Esporte em Debate na Rádio Bandeirantes de Campinas.

O dirigente da Macaca falou sobre a condição financeira do clube, a situação do técnico Hélio dos Anjos e também a expectativa por reforços nas próximas semanas.

REESTRUTURAÇÃO
“A chapa fez promessas, mas o Eberlin foi escolhido para ser presidente de última hora. Eu prometi sim uma transformação e não me furto das responsabilidades desde o Campeonato Paulista. A Ponte Preta está sim passando por reestruturação. É uma reformulação de transparência. O torcedor sabe o que está acontecendo. O único torcedor que não sabe o que está acontecendo é o que fica na rede social. Mas a transformação existe! Claro que a gente espera também por essas respostas dentro de campo, mas existem muitos fatores que interferem nisso. Eu cito um exemplo: o endividamento do clube é bem maior do que esperávamos. Isso interfere em absolutamente tudo. Não fujo das minhas responsabilidades, estou trabalhando para melhorar todos os departamentos e tenho feito isso com a maior transparência possível”

ANÁLISE DO CAMPO
“Nós temos uma das menores folhas da Série B. A distância para o quinto colocado atualmente é de cinco pontos. Fomos atrapalhados porque deixamos de pontuar em três jogos dentro de casa mesmo jogando bem. Muitos perguntam por que eu não contratei antes para melhorar esses números… Mas eu preciso ser responsável com a Ponte Preta. Claro que tudo isso vai sobrar para mim, mas eu preciso ser responsável porque sei das dívidas do clube. Eu tenho convicção que os resultados vão melhorar”

INVESTIDORES
“Nós tínhamos algumas possibilidades que ajudariam muito o clube financeiramente no começo do ano. Mas os investidores recuaram após as ações milionárias de dois ex-dirigentes. Isso acabou atrapalhando todo o processo. Agora está surgindo uma luz no túnel que ainda não posso dizer, mas vai ocorrer e a gente vai conseguir um investimento no clube para terminar o ano pagando todos os salários”

DOUGLAS MENDES
“Eu renovei o contrato do DG até o final de 2025 com multa de R$ 26 milhões nacionalmente e 26 milhões de euros para clubes estrangeiros. É uma pérola nossa que pode virar imediatamente, mas pode demorar um pouco também. A Ponte Preta tem 85% sobre o jogador”

REFORÇOS
“Eu entendo que a Ponte Preta realmente necessita reforçar o time. Vamos buscar quatro ou cinco jogadores até a abertura da janela de transferências. Ainda temos problemas financeiras, principalmente com direito de imagem atrasado de cinco jogadores, que estamos acertando nos próximos meses. Eu estou trabalhando para chegar em outubro e novembro sem problemas financeiros. Mas há uma necessidade de um esforço maior neste momento para qualificar o elenco”

HÉLIO DOS ANJOS
“Não existe prazo de validade para nenhum treinador. Eu entendo que o treinador ´só precisa ser demitido quando ele não consegue extrair do elenco aquela vontade de vencer. Mas o que eu vejo do Hélio é que ele trabalha duramente todos os dias. Nunca estipulei nenhuma data para ele corresponder”

JOÃO BRIGATTI
“Eu falei com o João Brigatti na semana passada para pegar informação sobre jogadores da região dele. Em nenhum momento cogitei nem o nome do Brigatti nem nome de técnico nenhum. Eu não estou considerando troca de treinador neste momento”

CONFIRA A ENTREVISTA COMPLETA:

https://youtu.be/GWpMsFdZd6E

Comente com seu Facebook