O técnico da Ponte Preta tem sido cauteloso no discurso sobre acesso na Série B de 2020. Fábio Moreno ainda sonha com a possibilidade de jogar a Primeira Divisão na próxima temporada, mas traça a estratégia de pensar sempre no próximo jogo.

“Eu procuro focar no próximo jogo, passo a passo e sem adiantar muito. Porque não dá para chegar nos 62 sem primeiro fazer os 50 que é o que estamos disputando. Então primeiro buscamos os 50 para depois chegar nos 62 pontos que é o número buscamos para subir”, explicou Moreno.

O duelo desta segunda-feira será diante do Cuiabá, terceiro colocado e concorrente direto. Na atual temporada, a Macaca não conseguiu derrotar os atuais integrantes do G4.

“O Cuiabá mostra ser equipe de muita qualidade e um adversário perigoso, principalmente quando joga na casa dele, o time é primeiro colocado em aproveitamento se contar só os jogos como mandante. Nós precisamos melhorar nossos números em casa e temos oportunidade para isso no Majestoso nesta segunda”, acrescentou.

Para o compromisso de hoje, a Ponte terá força máxima na Arena Pantanal, apenas com a ausência de Ivan Quaresma – que retorna na próxima temporada. “A gente entende que precisa melhorar, somar cada vez mais pontos porque temos como base uma pontuação para conquistar o acesso e esse é nosso objetivo. Fizemos tudo pra isso nesta temporada e seria frustrante não conseguir, então enquanto tiver tempo, espaço, pontuação , percentual a ser disputado, vamos continuar buscando”, encerrou.

Foto de Álvaro Jr/Pontepress

Comente com seu Facebook