Marcelo Barbarotti nega proposta da Chapecoense: ‘Sigo firme na Ponte Preta’

0
Foto: Pontepress

por júlio nascimento

Marcelo Barbarotti segue no comando do Departamento de Futebol da Ponte Preta. De acordo com o jornalista Jorge Nicola, da Rádio Bandeirantes de São Paulo, o dirigente da Macaca recebeu uma sondagem da Chapecoense na última sexta-feira. A informação foi negada pelo presidente José Armando Abdalla no microfone da Bandeirantes Campinas.

O mandatário da Alvinegra reiterou que Barbarotti segue em busca de reforços e tem a expectativa de anunciar novos nomes nesta semana. A Chapecoense, inclusive, anunciou André Figueiredo, ex-Atlético-MG, como substituto de Rui Costa e não apresentou nenhuma proposta oficial para Marcelo.

Barbarotti chegou na Ponte Preta no dia 27 de março para substituir Ronaldão como diretor de futebol. Ele ficou quatro anos no Novorizontino e neste ano levou a equipe para as quartas de final do Campeonato Paulista trabalhando com o técnico Doriva.

“O mercado acompanha o nosso trabalho, não chegou nada oficialmente para mim, recebi ligações de Chapecó, até foi ruim e liguei para o presidente. André Figueirense é grande amigo meu, fico feliz de ter sido analisado, mas sigo trabalhando firme na Ponte Preta”, explicou Barbarotti.

Porém, o dirigente tem sido alvo constante de críticas da torcida pontepretana pelas contratações realizadas. As poucas entrevistas – foi apenas uma coletiva em cinco meses -, também são argumentos de quem é contrário ao trabalho de Marcelo Barbarotti.

Em relação aos reforços, Barbarotti admitiu que o clube tem negociação com um meia que está atuando emprestado na Série A. “Nós temos uma situação complicada, porque ele está preso em clube de Série A, temos de costurar com dois times, não é fácil. Por um momento, achamos que estava encaminhado e hoje é o desfecho, sim ou não, vamos resolver na parte da tarde, mas estou descrente”, disse.