Ponte volta aos trabalhos com um zagueiro a menos no elenco

0
Zagueiro Rodrigo é um dos titulares da Macaca

A Ponte Preta se reapresentou na tarde desta segunda-feira no Centro de Treinamento do Jardim Eulina. Depois de serem liberados por volta das 16 horas de sábado da concentração onde se preparavam para o jogo contra o Fluminense, os jogadores tiveram folga no domingo, já que a partida pela décima sétima rodada do Brasileirão foi adiada por causa da morte do filho mais novo do técnico do Fluminense, Abel Braga. Os jogadores alvinegros, inclusive, prestaram solidariedade à distância à Fábio Braga, irmão mais velho de João Pedro que até semana passada era jogador da Macaca. “Nós mandamos mensagem para o Fábio. Eu já perdi meu pai, sei como é difícil nestas horas”, disse o volante Naldo, o escolhido para conceder entrevista coletiva na reapresentação.

ESPEL ELEVADORES

 

A grande ausência do treino desta segunda foi de Kadu, jogador que entre os zagueiros da Ponte tinha o salário mais alto. Ele recebeu uma proposta Göstep Spor Kulubu da Turquia e pediu para ser liberado. Kadu já tem mais de 30 anos e a diretoria da Ponte entendeu que o negócio seria bom pro jogador e para o clube. Kadu abriu mão de todos os vencimentos com a Ponte até o final do ano, quando encerraria o vínculo com a equipe do Majestoso.

Em princípio, os dirigentes alvinegros não vão ao mercado à procura de um novo zagueiro. Além dos titulares Marllon e Rodrigo, o elenco alvinegro tem Luan Peres e Yago como especialistas na posição. Vale lembrar que Yago ainda se recupera de uma lesão, está em fase de transição e deve ser reintegrado ao elenco daqui cerca de 15 dias. Caso haja necessidade, o prata da casa Reinaldo, que já serviu o elenco principal no Paulistão, será novamente utilizado entre os profissionais.

 

Comente com seu Facebook