Ponte segue invicta no Majestoso; empate mantém time na vice-liderança da Série B

0

A Ponte Preta não conseguiu vencer o terceiro colocado da Série B, o Atlético Goianiense. Em uma partida marcada pelo equilíbrio, as equipes se estudaram demais no primeiro tempo. A Ponte tentou crescer na etapa final, mas não tirou o zero do marcador.

ESPEL ELEVADORES

Com o empate, a Macaca chega aos 19 pontos, mesma pontuação do líder Bragantino, que leva vantagem pelo número de vitórias (6 a 5). A alvinegra campineira agora torce contra os adversários diretos porque o time corre o risco de deixar o G-4 caso, dependendo dos resultados da décima rodada.

O próximo compromisso dos alvinegros será daqui a uma semana, na próxima terça (23/07) contra o Bragantino fora de casa.

O JOGO

A partida começa muito equilibrada, com as duas equipes trocando passes e com pouca profundidade no ataque. A primeira chance de gol só sai aos 10 minutos com Roger. O Atlético chega pouco ao ataque; a primeira oportunidade sai de um tiro de fora da área de Pedro Raul que passa longe.

A melhor chance de gol do primeiro tempo é dos visitantes. Mike cruza pela esquerda, Pedro Raul desvia e Ivan salva. Depois, a Macaca chegou mais uma vez; Marquinhos tenta aproveitar o rebote mas é travado na hora do chute.

Um primeiro tempo de muita igualdade e poucas emoções que termina em zero a zero.

No segundo tempo, o jogo esquenta e as equipes buscam mais o gol. Diego Renan emenda um chute forte e o goleiro defende. Pelo Dragão, Renan Fonseca afasta de carrinho um perigoso cruzamento.

A Macaca tenta ser mais ofensiva na segunda metade da etapa final. O estreante João Carlos e Roger criam duas boas oportunidades.

Os donos da casa seguem no ataque. Depois de boa trama, João Carlos tenta colocado, Kozlinski espalma e, no rebote, a bola de Gérson Magrão passa muito perto. Roger encerra as chances da Ponte e decreta o zero a zero no placar.

PONTE PRETA X ATLÉTICO-GO

Campeonato Brasileiro Série B – 10ª rodada

Data: terça-feira, 16 de julho

Horário: 21h30

Local: Estádio Moisés Lucarelli – Campinas

Árbitro: Luiz César de Oliveira Magalhães

Auxiliares: Nailton Junior de Sousa Oliveira e Jailson Albano da Silva

Público: 4.621

Renda: R$ 42.915

Cartões Amarelos: Marquinhos, Henrique Trevisan, Gérson Magrão, Moacir, Airton

PONTE PRETA: Ivan; Diego Renan, Renan Fonseca, Airton e Henrique Trevisan (Isac); Edson, Camilo, Gérson Magrão (Alex Maranhão) e Matheus Vargas; Marquinhos (João Carlos) e Roger. Técnico: Jorginho

ATLÉTICO-GO: Maurício Kozlinski; Jonathan, Lucas Rocha, Gilvan e Nicolas; André Castro, Moacir e Jorginho; Matheus, Mike e Pedro Raul (Jarro). Técnico: Vagner Lopes

Comente com seu Facebook