Ponte Preta pode estrear até três jogadores contra Coritiba

0
Macaca treinou com portões fechados antes do jogo diante do Coritiba

A Ponte Preta encerrou a preparação para o jogo diante do Coritiba nesta terça à tarde. Antes dos trabalhos, um grupo de torcedores esteve em reunião com o elenco alvinegro. De acordo com a assessoria de imprensa, a conversa foi pacífica. Os torcedores disseram que esperam um melhor rendimento dos atletas e garantiram apoio total ao time no jogo diante do Coritiba. O recém-contratado Danilo Barcelos comentou o encontro: “uma coisa incrível que nunca vi em lugar nenhum. Nunca vi uma reunião tão positiva em outros clubes. Tenho certeza que com o apoio deles vamos buscar a vitória amanhã”.

CAFÉ MORAES

A imprensa não pode acompanhar a movimentação comandada pelo técnico Gilson Kleina e o treinador não falou com a imprensa ao final do treino. Mas existe a expectativa de que até três dos últimos cinco reforços possam estrear. Dos que chegaram recentemente, o lateral esquerdo Danilo Barcelos é o que tem mais chance de começar como titular. Ele chegou nesta terça pela manhã ao Majestoso para tentar acabar com a carência no setor. Desde o começo do ano, a diretoria já contratou quatro jogadores para a posição. Ao todo, sete atletas diferentes já foram utilizados no setor. João Lucas e Fernandinho chegaram após o Paulistão, tiveram oportunidades no Brasileirão e não corresponderam. No último jogo, o prata da casa Jeferson, que é lateral direito, foi improvisado na esquerda. “Grande responsabilidade. Talvez não deu certo para eles por determinada situação ou jogo. Tô feliz em voltar a poder jogar na minha posição de origem”, disse o lateral sobre a situação da lateral da Ponte e a oportunidade que vai receber.

“Eu venho pra Ponte com vontade, um clube que cativa e tive boas informações daqui. Amanhã é o grande dia. Espero que seja com vitória e tenho certeza que grandes coisas vão acontecer por aqui”, afirmou o lateral esquerdo que se mostrou animado no primeiro dia de trabalho no Majestoso.

Além de Danilo Barcelos, os atacantes Maranhão, contratado por empréstimo do Fluminense, e Luis Alí, boliviano que já serviu a seleção daquele país, também estão com as situações regularizadas e devem ficar como opção no banco de reservas.

A escalação da Macaca para encarar o Coritiba só deve ser conhecida amanhã, momentos antes da partida. Com 15 pontos e a cinco jogos sem vencer a Ponte tem a oportunidade de se afastar da zona de rebaixamento e ainda estacionar o Coritiba, que é considerado um adversário direto contra o descenso.

Comente com seu Facebook