Ponte perde invencibilidade longe do Majestoso e liga alerta

0

A invencibilidade da Macaca fora de casa acabou na noite de domingo com a derrota por 1 a 0 contra o Mirassol. Com a derrota, a Macaca que tinha chances de assumir a liderança de seu grupo se aproximou do Z2. Na 13ª posição a Alvinegra está a apenas dois pontos de distância da zona de rebaixamento.

Situação que liga um sinal de alerta no Majestoso. Mesmo assim, a Macaca desliga a chave do Paulistão e se preocupa com a Copa do Brasil. Isso porque, quarta-feira enfrenta o Sampaio Correia no Majestoso, às 19h30.

O JOGO

A Ponte Preta foi apática durante todo primeiro tempo e praticamente não assustou os donos da casa. Sem vencer ainda em seus dominios e na zona da degola o Mirassol precisava da vitória e a lei do ex entrou em ação. Aos 37 minutos, Xuxá (atuou na Ponte ano passado) levantou a bola na área, Jefferson de cabeça obrigou a fazer um milagre, mas no rebote André Luis fez 1 a 0.

No segundo tempo a Ponte melhorou e criou oportunidades. Eduardo Baptista fez algumas mudanças na equipe que surtiram efeito. Aos 5 minutos, Fernando Leal salvou os visitante em um chute de Marciel. Aos 30 minutos foi a vez de  Renan Fonseca de cabeça quase empatar. Mas o resultado já estava definido. Mirassol 1 Ponte Preta 0.

FICHA TÉCNICA

Local:  José Maria de Campos Maia

Data:  Domingo, 25 de fevereiro

Horário: 19h

Público e renda: 1.919 pagantes, R$ 23.408

Árbitro: Leandro Marinho

Auxiliares: Emerson Carvalho e Alex Ribeiro.

Mirassol – Fernando Leal, Danilo Souza, Wellinton Silva, Edson Silva, Wellinton Reis, Marlon, André Luis (Dougals), Paulinho, Zé Roberto (Dalberto), Xuxa (Léo Baiano) e Rodolfo.

Ponte Preta – Ivan, Emerson, Renan Fonseca, Luan Peres e Orinho; Jeferson (Gabriel Vasconcelos), Marciel e Daniel; João Vitor (Leo Artur), Fellipe Cardoso (Yuri) e Silvinho.

Gol: André Luis (1º tempo ´37)

Cartões Amarelos: Emerson, Luan Peress, Orinho e João Vitor; Léo Baiano e Zé Roberto