A Ponte Preta segue na zona de rebaixamento da Série B do Campeonato Brasileiro.

Em visita ao Vila Nova, no Estádio Oba, em Goiânia, em duelo válido pela nona rodada da competição, a equipe campineira ficou no empate sem gols.

TABELA
Com o resultado, a Macaca chega aos sete pontos. O próximo compromisso é na terça-feira, às 19h, diante do Avaí, em Campinas.

PRIMEIRO TEMPO
O Vila Nova mostrou sua estratégia desde os primeiros minutos: sistema defensivo postado, paciência para tentar encontrar espaço e finalização de longa distância. Aliás, os arremates de fora da área foram os únicos momentos do primeiro tempo que geraram algum tipo de perigo ao gol de Ygor Vinhas.

Já a Ponte Preta reuniu pelo menos três boas oportunidades. A primeira, aos 13 minutos, em jogada de Moisés que fez jogada individual e tentou encontrar Rodrigão, mas a bola passou na pequena área pelo centroavante e por pouco não entrou após desvio de Willian Formiga. Rodrigão, perseguindo o primeiro gol pela Macaca, ainda tentou aos 32 minutos em jogada de ousadia ao tentar encobrir Georgemy, mas errou na força. A Macaca ainda teve nova chance em jogada individual de Moisés, mas a bola foi para fora e o empate sem gols prevaleceu até o intervalo.

SEGUNDO TEMPO
O segundo tempo começou com a Ponte Preta tomando iniciativa das jogadas ofensivas nos primeiros minutos, mas desperdiçando novas chances. Richard e Dawhan levaram perigo ao sistema defensivo do Vila Nova, mas sem êxito. Mas com o passar do tempo foi o time goiano quem ofereceu mais perigo e dominou o número de finalizações durante toda partida. A Macaca contou com a falta de pontaria dos adversários e somou um ponto em uma atuação bem apagada.

Foto de Douglas Monteiro/Vila Nova

FICHA TÉCNICA

QUEM JOGOU? Vila Nova e Ponte Preta pela nona rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

ONDE? Estádio Oba, em Goiânia

ESCALAÇÕES? O Vila Nova, comandado por Higo Magalhães, atuou com Georgemy; Danilo Belão, Rafael Donato, Renato Silveira e Willian Formiga; Deivid (Jonathan Cardoso), Dudu, Arthur Rezende (João Pedro) e Cássio Gabriel (Renan Mota); Alesson e Kelvin (Pedro Júnior). Já Gilson Kleina escalou a Ponte Preta com Ygor Vinhas; Kevin, Ednei, Cleylton e Felipe Albuquerque; Dawhan, André Luiz e Camilo (Thales): Richard (Ruan Renato), Moisés (Fessin) e Rodrigão (Josiel).

GOLS? Empate sem gols

QUEM APITOU? Luiz Augusto Silveira Tisne

CARTÕES AMARELOS? Deivid, Pedro Júnior, Arhur Rezende, Cleylton, Thalles, Ygor Vinhas e André Luiz

VERMELHOS? Ninguém foi expulso

PÚBLICO E RENDA? Jogo com portões fechados

Comente com seu Facebook