Ponte empata em casa e jejum continua na Série B

0
Foto: Pedro Sardelli (Band)

A Ponte continua sem vencer na Série B de 2020. Pela terceira rodada da competição, a Macaca sai atrás no marcador, mas mostrou poder de reação, conseguiu por duas vezes a virada, mas cedeu o empate quase nos acréscimos: três a três. Neto Moura, João Paulo e Matheus Peixoto balançaram as redes para os alvinegros.

Em geral, Ponte e Vitória fizeram uma partida equilibrada. No segundo tempo, a Macaca cresceu depois dos 20 minutos, conseguiu o terceiro gol quando faltava pouco mais de 10 minutos para o fim, mas caiu de produção e novamente deixou o Vitória igualar o marcador.

Com apenas 2 pontos dos nove disputados, a Ponte ocupa a décima segunda posição ainda aguarda as partidas do sábado para saber a real colocação ao final da rodada, que pode aproximar perigosamente o time da zona de rebaixameneto. A Macaca volta a campo na próxima terça, 18/08, quando enfrenta o Oeste na Arena Barueri.

O JOGO

O Vitória é quem levsa perigo primeiro, aos 3 minutos, com chute de Léo Ceará defendido por Ivan. Aos 7, o placar já era aberto: depois do cruzamento da esquerda de Carleto, o ex-bugrino Mateusinho marca de cabeça.

Depois do gol, a Ponte passa a ter mais posso de bola e Camilo assusta numa cobrança de falta perigosa. O Vitória marca bem e dificulta os ataques da Macaca. Aos 26, depois de jogada pela esquerda a bola chega em Zé Roberto e depois para na trave.

Dois minutos depois, Camilo recebe na entrada da área, passa para Zé Roberto que encotra Neto Moura. O volante bate de primeira, rasteiro e deixa tudo igual. A virada alvinegra demora mais cinco minutos: João Paulo dribla dois adversários antes de fazer o segundo gol pontepretano.

Comemoração que dura pouco tempo. Depois de falha do zagueiro Rayan, Mateusinho rouba a bola e toca para Léo Ceará novamente igualar o placar. A reta final do primeiro tempo tem um Vitória mais agressivo: Mateusinho carimba a trave alvinegra. Depois, João Victor cabeceia muito perto do gol.

O Vitória volta do intervalo com a primeira boa oportunidade no chute de Léo Ceará que Ivan defende. Mas é a Ponte que tem mais posse de bola. O problema são as finalizações, que levam pouco perigo.

Aos 26, os alvinegros conseguem uma boa jogada: depois de boa troca de passes, a bola chega de Zé Roberto que finaliza muito perto do gol.

A vantagem no placar viria aos 34 minutos. Em mais um lance que começa pela esquerda, Moisés tenta de cabeça, o goleiro Ronaldo dá rebote e Matheus Peixoto faz o primeiro gol dele na temporada e consequentemente com a camisa alvinegra.

O Vitória cresce no jogo depois do gol, começa a ter domínio das jogadas e consegue empatar num golaço de Rafael Carioca, aos 44 do segundo tempo. Jogo de seis pontos e nenhum dos times saiu de campo comemorando.

QUEM JOGOU? Ponte Preta e Vitória-BA pela terceira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

ONDE? Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas

QUAIS ESCALAÇÕES? João Brigatti esclaou a Ponte Preta com Ivan Quaresma; Apodi, Wellington Carvalho, Rayan (Luizão) e Ernandes; , Neto Moura, Luís Oyama, Camilo (Moisés) e João Paulo; Osman (Matheus Peixoto) e Zé Roberto. Já o técnico Bruno Pivette colocou o Vitória em campo com Ronaldo; Jonathan Bocão, Gabriel Furtado (Caicedo), João Victor e Thiago Carleto; Guilherme Rend, Rodrigo Andrade (Jean) e Fernando Neto; Mateusinho (Rafael Carioca), Léo Ceará (Marcelinho) e Eduardo (Felipe Garcia).

QUEM MARCOU? Mateusinho, aos 7 minutos do primeiro tempo; Neto Moura, aos 28 minutos do primeiro tempo; João Paulo, aos 33 minutos do primeiro tempo; Léo Ceará, aos 36 minutos do primeiro tempo e Rafael Carioca aos 44 minutos do segundo tempo.

QUEM APITOU? Daniel Nobre Bins

CARTÕES? Jonathan Bocão, Guilherme Rend, Thiago Carleto e Wellington Carvalho receberam cartão amarelo

PÚBLICO E RENDA? O jogo foi realizado com portões fechados seguindo o protocolo médico da CBF.

Comente com seu Facebook