Ponte arranca empate com o São Paulo e permanece longe do Z-4

0
Danilo Barcelos comemora primeiro gol da Ponte no Morumbi

Dois tempos distintos. Assim pode ser resumido o confronto direto para fugir do rebaixamento entre São Paulo e Ponte Preta no Morumbi.

O São Paulo chutou mais com arremates de Lucas Fernandes e Pratto, ambos para fora. Foi um primeiro com vantagem dos donos da casa. Na bola parada o São Paulo chegou ao gol. Hernanes mandou de falta no ângulo de Aranha. Um golaço.

No início do segundo tempo Bruno Alves aproveita a falha ridícula de Aranha para ampliar o marcador. Após escanteio, Pratto resvala para o meio da área. O zagueiro sobe mais que o goleiro da Ponte e toca de cabeça. Aranha saiu com a mão mole e depois ficou reclamando.

Daí em diante, a Macaca cresceu na partida. A entrada de Léo Gamalho deu mais volume ao ataque alvinegro. Depois de uma cobrança de escanteio, Jucilei bloqueia a bola com o braço direito dentro da área. Marcelo de Lima Henrique, marca a penalidade máxima. Danilo Barcelos cobrou e diminuiu para Macaca. Danilo Barcelos cobra escanteio e Léo Gamalho subiu e testou bonito. 2 a 2. Um empate com sabor de vitória no Morumbi. A Ponte estava perdendo por 2 a 0 e foi buscar com um grande segundo tempo.

A Ponte chega aos 28 pontos e continua na décima terceira posição, a dois pontos do Z-4.

A Macaca volta a campo no Brasileirão no próximo sábado, quando recebe o lanterna Atlético Goianiense. Antes disso, na quarta-feira, o time de Gilson Kleina enfrenta o Sport na Ilha do Retiro pelo primeiro jogo das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Comente com seu Facebook