Após a vitória da Ponte Preta contra o Novorizontino por 2 a 0, a equipe de João Brigatti subiu da última colocação da classificação geral para o segundo lugar no Grupo A e entrou na zona de classificação pelo menos até a rodada desta quinta-feira.

Mesmo com o resultado positivo, a Macaca precisa vencer o Mirassol no próximo domingo para não correr riscos de rebaixamento e continuar com chances matemáticas de jogar as quartas de final.

“Pés no chão porque não alcançamos nada, domingo temos um confronto difícil contra o Mirassol e entramos na briga novamente”, pediu Brigatti em entrevista coletiva após a partida.

O treinador pontepretano elogiou a postura física da equipe contra o Novorizontino na Arena Barueri. “Fizemos apenas um jogo coletivo no sábado e priorizamos o aspecto físico. O fundamental foi a concentração dos atletas, a inteligência de tocar a bola para administrar o cansaço e todos estão de parabéns”, continuou.

Uma das alterações de Brigatti na escalação foi a dobra com dois laterais no lado direito. A jogada do gol de Bruno Rodrigues nasceu após a tabela entre Apodi e Jeferson no ataque.

“Nós treinamos bastante essa alternância entre o Jeferson e o Apodi no lado direito, conseguimos criar inúmeras situações naquele setor e tivemos a felicidade de encontrar o primeiro gol com o Bruno Rodrigues a partir dessa possibilidade”, explicou.

Com a vitória, a Macaca também quebrou a invencibilidade de 10 jogos do Novorizontino no Campeonato Paulista.

“Sabíamos de toda dificuldade da partida e de enfrentar o último invicto no Paulistão depois de tanto tempo de paralisação. Todos entraram focados na partida e preciso parabenizar pela apresentação. Foram guerreiros dentro de campo”, encerrou.

Comente com seu Facebook