Permanência até o Paulistão e veto de empréstimo: a contraproposta do Guarani por Davó

0

Guarani e Corinthians seguem negociando a transferência de Davó. O atacante de 20 anos está sendo monitorado pelo time de Fábio Carille desde a Copa São Paulo de Futebol Júnior e foi um dos pedidos da comissão técnica para reforçar o elenco na próxima temporada.

ESPEL ELEVADORES

Com contrato por mais três temporadas, Davó tem multa rescisória de R$ 8 milhões para clubes do Brasil. O Corinthians resolveu acelerar a negociação após a manifestação do interesse de clubes como os rivais Santos e Palmeiras.

O Timão conta com o apoio da Elenko Sports, antiga parceira do clube, agora responsável por gerenciar a carreira de Davó. Mas o Bugre promete jogo duro e já apresentou uma contraproposta apostando no bom relacionamento com o Corinthians.

A ideia do Guarani é liberar Davó após a disputa do Campeonato Paulista do ano que vem. Sendo assim, ele se apresentaria ao Corinthians em abril para disputa do Brasileirão e outras competições que estarão no calendário da equipe.

Além disso, a diretoria estabeleceu um veto de empréstimo de Davó para a Ponte Preta. O Corinthians apresentou uma relação próxima com a diretoria da Macaca e emprestou diversos jogadores desde 2016. Pelo nível da rivalidade, um empréstimo de Davó para Campinas só seria possível para o Guarani.

Segundo apurou a reportagem, as reuniões estão em estágio inicial e devem se arrastar pelas próximas semanas para definição do futuro do atleta.

Comente com seu Facebook