Ponte Preta e Guarani chegam na 36ª rodada da Série B ainda com chances matemáticas de acesso.

Diante de muita irregularidade durante a competição, a Macaca vai disputar os últimos três jogos precisando tirar uma diferença de quatro pontos para o quarto colocado Juventude.

Já a situação do Bugre é ainda mais difícil com a diferença em sete pontos e a equipe na metade da tabela.

A Ponte Preta enfrenta nesta reta final: Chapecoense (fora de casa), CRB (em casa) e Figueirense (fora de casa). Já o Guarani tem pela frente Vitória (em casa), Avaí (fora de casa) e Juventude (em casa).

Em todas edições da Série B neste formato de 20 clubes com pontos corridos (realizado desde 2006) não houve nenhum clube que conseguiu tirar uma diferença de quatro pontos ou mais para o G4 com três rodadas restantes.

Sport e Paulista foram os times que conseguiram tirar uma diferença maior faltando apenas três jogos, mas neste caso de três pontos.

Em 2011, ano que a Ponte também subiu, o Sport tinha uma desvantagem de três pontos para o Bragantino e conseguiu ultrapassar o Massa Bruta até a rodada final.

Em 2006, primeiro ano de disputa da Bezona no atual regulamento, o Paulista arrancou diferença de três pontos do América de Natal e também confirmou o acesso para elite do futebol brasileiro.

MUDANÇAS NO G4 NAS RODADAS FINAIS:

  • 2019 – o G4 não mudou nas três rodadas finais
  • 2018 – o G4 não mudou nas três rodadas finais
  • 2017 – o G4 não mudou nas três rodadas finais
  • 2016 – o G4 não mudou nas três rodadas finais
  • 2015 – o G4 não mudou nas três rodadas finais
  • 2014 – o Avaí tirou a diferença de 1 ponto para o Ceará
  • 2013 – o Figueirense tirou a diferença de 1 ponto para o Icasa
  • 2012 – o G4 não mudou nas três rodadas finais
  • 2011 – o Sport tirou a diferença de 3 pontos para o Bragantino
  • 2010 – o G4 não mudou nas três rodadas finais
  • 2009 – o G4 não mudou nas três rodadas finais
  • 2008 – o G4 não mudou nas três rodadas finais
  • 2007 – o G4 não mudou nas três rodadas finais
  • 2006 – o Paulista tirou a diferença de 3 pontos para o América-RN

Foto de Thomaz Marostegan/Guarani FC

Comente com seu Facebook