Passes certos, interceptações e liderança: o que o Guarani perde com a saída de Baraka

0
Foto: GuaraniPress

por júlio nascimento

O Guarani continua sofrendo com um desmanche do elenco campeão da Série A2 do Campeonato Paulista. Após as saídas confirmadas de Bruno Brígido, Lombardi, Lenon e Bruno Nazário, é a vez de Baraka desfazer o armário no vestiário do Brinco de Ouro e seguir a carreira fora do Bugre.

O volante, que foi alvo de críticas de parte da torcida, era peça fundamental no elenco de Umberto Louzer. Mas o que o Guarani perde com a saída do camisa 5?

LIDERANÇA
Após a aposentadoria de Fumagalli e saída de Willian Rocha, Baraka assumiu a braçadeira de capitão do Guarani e se tornou um pilar de liderança dentro do vestiário. O atleta, ao lado de Lenon, foi um dos que mais entrou em campo desde sua chegada na reta final da Série B do ano passado. Foram 41 jogos de 43 possíveis pelo Bugre.

TROCA DE PASSES
Baraka lidera o Guarani em duas estatísticas importantes, segundo o Footstas. É o jogador que mais trocou passes no elenco (490) na frente de Ricardinho (433), Philipe Maia (388) e Denner (388). Segundo o site InfoBola, 37 passes foram convertidos em chances reais de gol.

Baraka também é o líder do elenco com mais passes certos. O camisa 5 (420) é seguido por Ricardinho (373), Philipe Maia (312) e Denner (281). E objetividade não é problema para Baraka. Foram 187 passes trocados no campo do adversário.

LÍDER DAS INTERCEPTAÇÕES
O papel de Baraka é de proteger a defesa e o jogador desempenhou um bom papel de acordo com os números. Segundo o InfoBola, o volante é quem mais interceptou no elenco bugrino (25) na frente de Lenon (24), Maia (22), Edson Silva (19) e Pará (19). É o segundo que mais desarmou (16) atrás apenas de Marcílio (19).

 

Baraka é também o terceiro que mais venceu divididas (22) atrás da dupla de zagueiros Philipe Maia (29) e Edson Silva (27).

O destino do jogador não foi revelado. Ele recebeu uma proposta do Oriente Médio e não foi relacionado para o jogo contra o Boa Esporte. A titularidade ficará com Denner, novo companheiro de Ricardinho. A saída de Baraka também abre espaços para o volante Willian Oliveira, ex-Botafogo-SP.