No sufoco! Guarani arranca empate com CRB

0
Quase 10 mil pessoas foram ao Rei Pelé acompanhar CRB X Guarani

O Guarani foi até Maceió e conquistou um importante ponte na luta para voltar à principal divisão do futebol brasileiro. Em um jogo de poucas emoções, os minutos finais foram determinantes.

ESPEL ELEVADORES

O Guarani entrou um campo com uma postura mais ofensiva do que os donos da casa. O goleiro Edson Kölln fez duas boas defesas. A primeira na cobrança de falta de Diego Jussani e a segunda num cabeceio quase a queima roupa de Fumagalli. Já o CRB praticamente não deu trabalho ao goleiro Leandro Santos no primeiro tempo.

Na etapa final, o Bugre continuou melhor. Mas o CRB começou a encontrar espaços, principalmente em jogadas pelo alto. Neto Baiano por pouco não abriu o placar já aos 43 minutos. E foi a partir daí que o jogo ganhou emoção. Aos 45, Adalberto aproveitou cruzamento e subiu alto pra cabecear consciente, pro chão e fazer o primeiro gol. Só que tinha mais jogo. O juiz aplicou cinco minutos de acréscimos. E aos 48, depois que Bruno Nazário cobrou falta pra área, a zaga do CRB rebateu mal e Diego Jussani pegou a sobra. Num chute certeiro, de primeira ele deixa tudo igual.

Depois do jogo, o técnico Vadão analisou como positivo o resultado: “A gente fez uma partida muito boa, envolvemos bastante o adversário no segundo tempo. Tivemos duas ou três chances até os 25 do segundo tempo, poderíamos ter saído na frente e não ter passado este sufoco. No final, tomamos o gol e nos recuperamos em seguida com a bola parada também. Acho que ficou de bom tamanho”.

Com o empate, o Bugre chega aos 28 pontos e cai para a vice-liderança da série B. O América Mineiro, com 30 pontos, assume a ponta da tabela.

O Bugre volta para Campinas neste domingo. Na segunda, os jogadores estão de folga e voltam aos trabalhos na terça pela manhã, quando começam a trabalhar para o próximo compromisso, diante do Londrina sábado no Brinco de Ouro.

Comente com seu Facebook