A Ponte Preta voltou a vencer na Série B do Campeonato Brasileiro.

No jogo 200 de Gilson Kleina – que não esteve presente na beira do gramado por cumprir suspensão -, a Macaca venceu o Goiás por 2 a 1 em duelo da 14ª rodada da competição.

Os gols foram marcados por Rodrigão e Camilo enquanto Alef Manga descontou para o Esmeraldino.

TABELA
Com o resultado, a Macaca chega aos 12 pontos e deixa parcialmente a zona de rebaixamento. A equipe ainda espera os jogos de Confiança, Cruzeiro e Brasil de Pelotas. O próximo compromisso será diante do CRB, dia 2 de agosto, no Rei Pelé.

PRIMEIRO TEMPO
O primeiro tempo foi de poucas emoções, mas com os visitantes atacando com maior perigo em comparação ao time da Ponte Preta que, além de problemas na construção ofensiva, apresentou falhas defensivas. O Esmeraldino só não abriu o placar por conta de uma boa defesa de Ivan Quaresma e pela falta de pontaria dos jogadores de ataque. Já a Macaca teve duas oportunidades: Felipe Albuquerque bateu cruzado contra a meta de Tadeu e levou perigo aos 30 minutos. Depois, aos 44, Moisés parou em defesa do goleiro do Goiás.

SEGUNDO TEMPO
Gilson Kleina promoveu duas mudanças no intervalo: Camilo e Richard. E o jogo ofensivo melhorou. Aos cinco minutos, após jogada de Moisés, Rodrigão recebeu na área e apenas empurrou para abrir o placar no Moisés Lucarelli e marcar o seu primeiro com a camisa da Macaca: 1 a 0. Mas o Goiás não deixou os mandantes comemorarem. Logo na saída de bola, Artur encontrou Alef Manga e o atacante empatou aos seis minutos da etapa final: 1 a 1.

Aos 18 minutos, após cabeceio de Rodrigão, o árbitro marcou toque na mão de David Duarte e o pênalti para a Ponte Preta. Camilo cobrou firme e marcou o segundo da Macaca: 2 a 1.

Foto de Álvaro Jr/Pontepress

FICHA TÉCNICA

QUEM JOGOU? Ponte Preta e Goiás pela décima quarta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

ONDE? Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas

ESCALAÇÕES? A Ponte Preta, escalada por Gilson Kleina, atuou com Ivan Quaresma; Ednei (Richard), Fábio Sanches e Cleylton; Felipe Albuquerque, André Luiz, Locatelli (Lucas Cândido), Fessin (Camilo) e Rafael Santos (Ruan Renato); Moisés e Rodrigão (Josiel). Já o estreante Marcelo Cabo mandou o Goiás a campo com Tadeu; Dieguinho, David Duarte, Reynaldo e Artur; Breno (Dadá Belmonte), Rezende (Miguel Figueira), Caio (Albano) e Elvis; Alef Manga e Nicolas (Bruno Mezenga).

GOLS? Rodrigão e Camilo (Ponte Preta); Alef Manga (Goiás)

QUEM APITOU? Heber Roberto Lopes (SC)

CARTÕES AMARELOS? Breno

VERMELHOS? Ninguém foi expulso

PÚBLICO E RENDA? O jogo foi realizado com portões fechados

Comente com seu Facebook