Na chegada à Campinas, Ivan fala pela primeira vez como goleiro da Seleção

0
Foto: Ponte Press

A chegada da delegação pontepretana depois da vitória em Florianópolis foi marcada por uma emocionada entrevista coletiva do goleiro Ivan. Convocado pelo técnico Tite para servir a Seleção Brasileira em dois amistosos, Ivan agradeceu a todos na Ponte que de alguma forma o ajudaram a alcançar este momento e se disse surpreso por já ser ocnvocado para a seleção principal.

A convocação também chama a atenção porque o goleiro é o único atleta da lista que atua pela Série B do Brasileiro. “A Ponte Preta tem uma visibilidade grande no Brasil e fora. Você só é lembrado quando é visto e aqui na Ponte eu to jogando como titular pelo segundo ano na Ponte”.

Ivan recebeu a notícia da convocação quando estava quase iniciando o voo de retorno de Florianópolis para São Paulo e afirmou que ainda não absorveu a informação. “A ficha ainda não caiu, acho que só vai cair quando eu tiver sentado em casa, tomar um banho para dar uma relaxada”.

Aos 22 anos, Ivan fez uma pequena retrospectiva da carreira: “nunca foi fácil, sempre tive que trabalhar muito para chegar onde eu cheguei. As primeiras pessoas que vem, primeiramente Deus, depois minha família toda por ter me dado suporte e também agradecer a Ponte Preta”.

A entrevista também incluiu agradecimentos do goleiro ao atual preparador dele, o Betão e a André Dias, ex-goleiro e ex-preparador da Ponte que deu a ele as primeiras oportunidades como profissional.

O goleiro também já projeta a “Aprender com os mais velhos,vão estar lá o Ederson e o Weverton. São grandes goleiros. Espero aprender muito com eles (…) é adquirir esta experiência com o grupo todo. Eu sei que estou indo como terceira opção mas espero aprender mito com o pessoal lá”.

A chegada de Ivan à seleção principal aumenta o foco sobre o jogador que já tinha especulado a saída da Ponte desde que conquistou o título do Torneio de Toulon com a seleção olímpica. Apesar disso, as declarações sobre uma possível negociação continuam as mesmas: “eu to muito focado aqui dentro de campo, meu papel é jogar. Espero manter meu bom trabalho aqui que vou chegar à seleção que é o meu alvo”.

Comente com seu Facebook