MP solicita imagens e vai apurar ação da PM contra torcedores do Guarani

0
Foto: David Oliveira/Guarani FC

O pré-jogo do dérbi 195 foi marcado por muita confusão nos arredores do Brinco de Ouro. Torcedores do Guarani e policiais da Polícia Militar entraram em confronto após a torcida ter recebido, com grande festa, a delegação bugrina para o clássico diante da Ponte Preta.

A Promotoria de Justiça do Torcedor, do Ministério Público, solicitou imagens do tumulto e vai abrir expediente para investigar a ação dos soldados da PM.

Policiais efetuaram disparos de bala de borracha quando perceberam que torcedores estavam subindo no teto do Flecha Verde depois que o ônibus já estava vazio. A ação causou revolta entre os torcedores que começaram a atirar pedras, garrafas, latas e rojões contra a PM.

Confira a ação dos PMs em vídeo

“É um exagero da parte deles. Nós fizemos isso em outros jogos e esperamos o ônibus descer apenas para continuar a festa. Os torcedores que estavam subindo iriam colocar sinalizador para ficar mais bonito visualmente e receberam covardemente tiros de borracha nas costas. É um absurdo”, relatou um torcedor ao microfone da Rádio Bandeirantes, que estava ao vivo no momento.

O confronto entre torcedores e soldados se estendeu por 20 minutos e três torcedores precisaram ser atendidos. Um inclusive foi socorrido pelo Samu com ferimento no queixo após ter sido atingido por um tiro de bala de borracha. Entre os policiais dois militares caíram do cavalo e outro foi atingido por um rojão.

Comente com seu Facebook