“Um segundo tempo melhor que o primeiro”.

Foi assim que Mozart Santos definiu sua estreia no comando do Guarani contra o CRB, no Rei Pelé, em Maceió, em duelo da 16ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

O clube alagoano aproveitou falha do sistema defensivo no primeiro tempo e abriu o placar com Gabriel Conceição. Mas o time campineiro pressionou na etapa final e chegou ao empate com Leandro Vilela.

“É uma equipe que mostrou que tem condição de reagir porque provou isso no segundo tempo. Espero que esse seja o nosso padrão daqui para a frente”, disse Mozart Santos sobre os últimos 45 minutos da equipe.

O comandante alviverde também admitiu que espera por reforços na próxima janela de transferências. A movimentação da equipe será gerenciada pelo novo homem forte do futebol, Rodrigo Pastana, que trabalhou com Mozart em outras equipes.

“O Guarani tem um elenco qualificado e a gente ainda está conhecendo a característica de cada um. Mas com certeza faremos ajustes na janela de transferências assim como outros times”, enfatizou.

Comente com seu Facebook