Mais perto de escapar da degola: Guarani vence CRB no Brinco

0

O Guarani voltou a vencer na Série B. Diante de um postulante ao acesso, o CRB, o Bugre fez um a zero com gol de Ricardinho em uma partida que, na maior parte do tempo, foi superior ao adversário.

ESPEL ELEVADORES

Os alviverdes voltam a se afastar da zona de rebaixamento e sobem para a décima terceira posição.

O Guarani já volta a campo na próxima segunda (14/10), quando enfrenta o Botafogo de Ribeirão Preto no Brinco de Ouro.

O JOGO

O Guarani tenta dominar as ações de ataque, enquanto o CRB se fecha e procura explorar o contra-ataque. No geral, o primeiro tempo tem poucas chances efetivas de gol. Davó tenta num chute forte defendido por Fernando Henrique. No final do primeiro tempo, o CRB tenta crescer no jogo.

Mas o Bugre não deixa o adversário gostar da partida. Arthur Rezende dá trabalho ao goleiro. Um primeiro tempo de poucas emoções e um zero a zero justo.

O Guarani volta pro segundo tempo com mais posse de bola e com a clara intenção de buscar os 3 pontos. Mas, com o passar do tempo, o CRB marca bem e equilibra a partida. Só que a equipe de Alagoas não oferece tanto perigo ao gol de Kléver.

O Bugre consegue retomar as ações da partida na metade final do segundo tempo. Depois da boa jogada de Davó, Andrey salva o chute do atacante. Aos 27, o Bugre encaminha a vitória: Ricardinho se antecipa da marcação e, de cabeça, balança as redes.

Os visitantes, que tinham chance de permanecerem no G-4, tentam pressionar ao menos pelo empate. Mas o Guarani mostra experiência em casa e segura a vantagem.

GUARANI X CRB

Campeonato Brasileiro Série B – 28ª rodada

Data: sexta-feira, 11 de outubro

Horário: 21h30

Local: Estádio Brinco de Ouro

Árbitro: Luiz César de Oliveira Magalhães

Assistentes: Renan Aguiar da Costa e Jailson Albano da Silva

Cartões Amarelos: Michel Douglas, Victor Ramos, Igor, Deivid Sousa

Gols: Ricardinho, 27 minutos segundo tempo

Público: 3603

Renda: R$ 44.668,00

GUARANI: Klever; Lenon, Luiz Gustavo, Giaretta e Thallyson; Ricardinho (Marcelo), Felipe Guedes, Arthur Rezende e Lucas Crispim (Deivid Sousa); Davó e Michel Douglas (Nando). Técnico: Thiago Carpini

CRB: Fernando Henrique (Andrey); Israel, Victor Ramos, Wellington Carvalho e Igor Cariús; Wesley Dias, Lucas Siqueira e Willians Santana (Daniel); Hugo Sanches (Edson Cariús), Alisson Farias e Léo Ceará. Técnico: Marcelo Chamusca

Comente com seu Facebook