Jorginho fala sobre cobrança de torcedores: ‘Fica vaiando em casa’

0

O técnico Jorginho se demonstrou incomodado com a cobrança de parte dos torcedores que estiveram no Moisés Lucarelli para acompanhar o empate da Ponte Preta contra o Sport, ontem, pela 18ª rodada da Série B.

ESPEL ELEVADORES

“É complicado achar que vamos mudar uma história de 119 anos. Temos que trabalhar o lado técnico, mas existe também a questão emocional. Estamos unidos com vontade de fazer história no clube”, disse. “Tem muito torcedor que só vem para xingar. Quer ficar vaiando? Fica vaiando em casa, brigando com a mulher, mas não vem com essa carga”, completou.

Jorginho enxergou bons momentos da Macaca na partida contra o Sport. “É um resultado aquém, mas foi um jogo difícil e acho que tivemos bons minutos. Precisamos dar um pouco mais e continuar buscando porque seguimos na luta”.

O treinador evitou falar sobre pressão no cargo, mas assumiu parte da responsabilidade pelos resultados. “É difícil porque algumas coisas não ficam no seu controle. Mas eu sou o comandante e a pressão tem que ser em cima de mim. Apesar da oscilação acredito que o trabalho está sendo bom e claro que estou cobrando maior regularidade”, finalizou.

Comente com seu Facebook