Guarani volta a tropeçar e se aproxima do Z-4

0
Atacante Caíque foi um dos destaques do Bugre na derrota para o América-MG

O Guarani não conseguiu manter o bom momento no Brasileiro da série B e acabou derrotado pelo agora vice-líder do campeonato, o América-MG.

ESPEL ELEVADORES

O time de Belo Horizonte finalizou apenas 3 vezes no jogo inteiro e só uma vez acertou no gol. Mas, foi a bola que definiu o placar. Bill, aos 14 minutos de partida, com muito oportunismo, antecipou os zagueiros e desviou na saída de Leandro Santos um cruzamento da direita de Felipe Amorim. O camisa 7 do time mineiro driblou Salomão com facilidade e cruzou com perfeição.

Perdendo dentro de casa, o Guarani se mandou para o ataque e criou boas oportunidades para, no mínimo, empatar a partida. Caíque fez uma jogada espetacular pela esquerda, entrou na área após grande arrancada, mas a bola bateu no travessão. Depois de um cruzamento perfeito de Salomão, Fumagalli cabeceou em cima de Fernando Leal e Willian Rocha também de cabeça mandou para fora.

Apesar da derrota, o Bugre foi quem mais buscou o jogo em Campinas. O segundo tempo foi muito truncado. O Guarani voltou a repetir o que fez em várias partidas da competição: sobra luta e vontade, mas não há eficiência nos arremates. Mesmo com as entradas de Luiz Fernando e Bruno Mendes faltou um definidor, o chamado matador.

O Bugre perdeu 21 pontos no Brinco de Ouro na série B de 2017. É muito ponto perdido em casa de forma inexplicável. Agora, o time campineiro tem duas decisões em casa, contra concorrentes diretos: Luverdense e CRB. Vencendo os dois jogos vai a 45 pontos e permanece na série B em 2018. O que conseguir além destes dois confrontos será lucro. Bugre permanece fora da zona de rebaixamento com 39 pontos, mesma pontuação do Luverdense time que abre o Z-4.Terça-feira, o Guarani enfrenta o Ceará às 21h30, no Castelão em Fortaleza.

Comente com seu Facebook