O Guarani não vence há dez jogos. Foram oito jogos de jejum na Série B e apenas um ponto somado em duas partidas no Paulistão. A situação liga o alerta para o time de Umberto Louzer, que tem contratado até o fim do estadual.

“Eu sei da pressão que é ser treinador de futebol. Estou trabalhando em um clube grande e a cobrança faz parte. Eu tenho seis anos de carreira, com cinco conquistas, e isso prova que estou no caminho certo para melhorar cada vez mais. Tudo isso me motiva mais para buscar mais e mais resultados”, explicou.

Louzer ressaltou que ainda está em momento de adaptação no começo da competição e, mesmo sem vencer, viu pontos positivos na largada do Bugre em 2024.

“São 13 atletas que chegaram nesta temporada e, mesmo assim, fizemos bons jogos neste início. A gente sabia da dificuldade de enfrentar o Corinthians, fora de casa, e depois um São Bernardo que está há três anos com o mesmo treinador e fez um placar elástico aqui no ano passado. Não estamos satisfeitos, mas a minha única preocupação é fazer o Guarani melhorar”, completou.

A chance de quebrar o jejum de dez jogos e vencer a primeira na temporada será contra o Ituano, sábado, fora de casa.

Foto de Raphael Silvestre/Guarani FC

Portal CB no YouTube! Acompanhe vídeos do time do seu coração com informação, debate e curiosidades. Gols, comentários e entrevistas todos os dias com a Equipe de Carlos Batista. Se inscreva no canal e ative as notificações. Clique aqui e acesse.