Guarani para no São Bento e chega ao terceiro empate seguido na Série B

0

Guarani e São Bento jogaram nesta quinta-feira no gelado Brinco de Ouro e empataram sem gols. A partida foi válida pela 11ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Guarani chegou aos 15 pontos e permaneceu na sétima colocação. O sexto, com 17, é justamente o São Bento. O próximo compromisso do Bugre será na terça-feira, fora de casa, contra o Avaí.

Não era só na temperatura que estava frio. Dentro de campo a partida não era atraente. O primeiro tempo foi de poucas oportunidades. O Guarani, impaciente e com a torcida descontente, apostava nos chutes de longe para tentar surpreender o Rodrigo Viano. A primeira chance do Bugre surgiu aos 13 minutos da primeira etapa com finalização de longa distância do zagueiro Edson Silva.

O São Bento, último invicto da Série B, também tinha poder de ação. O atacante Everaldo quase abriu o placar aos 19 minutos após desentendimento entre Maia e Brígido. Vinte minutos depois, Cassinho lançou Dudu Vieira, que fez o giro e mandou perto do gol bugrino.

Sem as presenças de Lenon, Ricardinho, Rondinelly e outros, o Guarani tinha pouca criatividade na construção de jogo. A velocidade de Erik e Caíque nas beiradas era insuficiente para infiltrações e o time passou a apostar nos chutes de longa distância com Denner e Longuine.

A postura do time de Louzer começou diferente na segunda etapa. O Guarani pressionava e tentava abrir o placar apostando nos cruzamentos em busca de Bruno Mendes. A defesa do São Bento, no entanto, se mostrava resistente e conseguia cortar boa parte dos lançamentos.

Entre os 20 e 25 minutos dois momentos deixaram os pouco mais de dois mil torcedores no Brinco animados. Primeiro, aos 22, Bruno Mendes recebeu na área e foi travado pelo sistema defensivo, mas Guilherme teve a chance de abrir o placar no rebote e isolou. Três minutos depois Edson Silva balançou as redes, mas a arbitragem marcou a irregularidade no escanteio e anulou o gol.

A partida apresenta equilíbrio, mas pelo lado negativo. Os dois times encontravam dificuldades e pouca inspiração. O Guarani tentava com as triangulações de Guilherme e Bruno Mendes. No lado do São Bento, aos 34 minutos, o centroavante Ronaldo finalmente apareceu e exigiu trabalho de Bruno Brígido.

O Guarani pressionou até o final com novos fôlegos de Matheus Oliveira e Poveda, mas não conseguiu o objetivo. Empate amargo e com vaias depois do apito final.

FICHA TÉCNICA

Campeonato: Série B do Brasileirão

Local: Estádio Brinco de Ouro

Guarani: Bruno Brígido; Kevin, Philipe Maia, Edson Silva e Pará; Baraka, Denner, Rafael Longuine (Guilherme), Erik (Gabriel Poveda) e Caíque (Matheus Oliveira); Bruno Mendes. Técnico: Umberto Louzer

São Bento: Rodrigo Viana; Éverton Silva, Luizão, Douglas Assis e Paulinho; Fábio Bahia, Dudu Vieira, Maicon Souza (Luca Crispim) e Cassinho (Celsinho); Everaldo (Marcelinho) e Ronaldo. Técnico: Paulo Roberto dos Santos

Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)

Cartões amarelos: Douglas Assis, Celsinho e Edson Silva

Público: 2.237

Renda: R$ 27.209,00

Comente com seu Facebook