Guarani e XV: campanhas parecidas na reta final da A2

0

Se fosse necessário atribuir favoritismo a algum time na decisão da semifinal da série A2 entre XV de Piracicaba e Guarani, este time seria alviverde. Pela campanha nas 15 rodadas iniciais, por ter o ataque mais positivo do campeonato (31 gols marcados) e ainda a vantagem de definir em casa o acesso. No entanto, a reta final da fase mostrou campineiros e piracicabanos com campanhas bem parecidas.

É fato que o XV de Piracicaba não começou bem a Série A2. Nas cinco primeiras rodadas, o time acumulou 2 vitórias, duas derrotas e um empate. E ainda sofreram uma goleada em casa para o Oeste por quatro a zero. Em poucos momentos, a crítica chegou a pensar que o time iria brigar para permanecer na Série A2. No entanto, a vitória sobre o Guarani no Brinco de Ouro na quarta-feira de cinzas parece que foi o combustível para os alvinegros engrenarem na competição. Nas oito partidas seguinte, o XV só sofreu uma derrota, empatou outras 3 vezes e ganhou 4 partidas. Na reta final da primeira fase, o time superou o aproveitamento total de mais de 57% e chegou a quase 74% de aproveitamento dos pontos disputados nas cinco últimas rodadas.

O Guarani, por sua vez, teve uma campanha mais regular, tomou a liderança da competição nas rodadas finais, se classificou com antecedência e supera o aproveitamento do XV nas cinco últimas rodadas. O Bugre só perdeu um jogo nas partidas finais e nos cinco últimos jogos foram 80% de aproveitamento.

Os últimos números das equipes dão a tônica de quão equilibrado devem ser os 180 minutos da decisão. A favor do Guarani, pesa o fato do time ter poupado atletas importantes e não ter baixas por contusão ou suspensão. Já o XV ainda aguarda definições de departamento médico por causa de 5 jogadores: o goleiro Samuel Pires, os zagueiros Vinícius Simon e Doni, o volante Jonathan Costa e o meia André Cunha. Desfalques que podem interferir no esquema do técnico Evaristo Piza.

Nesta terça (27/03), a Federação Paulista divulga as datas dos dois confrontos. A tendência é que a primeira partida seja sábado (tarde ou noite) em Piracicaba e o segundo jogo na quarta seguinte (04/04) à noite no estádio Brinco de Ouro.

Comente com seu Facebook