O empate sem gols contra o São Bernardo, no Brinco de Ouro, pela segunda rodada do Paulistão, aumentou o jejum de vitórias do Guarani que dura desde o ano passado.

Contra o Tigre, o Bugre foi melhor nos números e chutou 19 vezes contra 10 finalizações dos visitantes. A equipe de Umberto Louzer também conseguiu mais escanteios (7 contra 3), mas não conseguiu transformar as chances em efetividade.

Os principais lances do primeiro tempo foram a partir dos 43 minutos. O São Bernardo acertou o travessão em chute de fora da área de João Carlos e depois Derek foi responsável pela principal polêmica da partida.

O atacante tentou de cabeça, a bola bateu no zagueiro e voltou, mesmo caído Derek ainda consegue tocar com o pé e a bola foi entrando, e Alex Alves tirou. Árbitro e auxiliar assinalam que bola não ultrapassou a linha. O VAR foi acionado e confirmou que a bola não entrou.

Umberto Louzer não mexeu no intervalo.
O jogo caiu muito no segundo tempo. Os dois times baixaram a intensidade. Um jogo disputado de intermediária a intermediária.

O primeiro lance foi aos 21 minutos, com Derek que chutou na rede pelo lado de fora. São Bernardo muito fechado. O Bugre teve uma outra oportunidade com o Bruno Mendes, mas não aproveitou.

Com apenas um ponto em duas rodada, o Guarani se prepara para enfrentar o Ituano no próximo sábado.

Foto de Raphael Silvestre/Guarani FC

Portal CB no YouTube! Acompanhe vídeos do time do seu coração com informação, debate e curiosidades. Gols, comentários e entrevistas todos os dias com a Equipe de Carlos Batista. Se inscreva no canal e ative as notificações. Clique aqui e acesse.