Livre da chance de queda, a Ponte Preta encerra a sua participação na Série B do Campeonato Brasileiro nesta sexta-feira, diante do Coritiba, no Moisés Lucarelli.

O técnico Gilson Kleina e o executivo de futebol Alarcon Pacheco ainda não estão garantidos pela nova diretoria para a temporada de 2022.

O futuro da dupla será debatido após a partida contra o Coxa e a transição política que será iniciada na segunda-feira com o presidente sendo nomeado pela Assembleia Geral.

Quarto técnico que mais dirigiu a Macaca, Gilson Kleina goza de bom relacionamento com as mais diversas alas políticas do clube, mas ainda não é unanimidade.

A chapa Movimento Renascer Pontepretano, vencedora das eleições de sábado, estava focada nas eleições e vai debater sobre a situação do treinador e do comandante do departamento de futebol.

Outros nomes também foram sugeridos para o comando do futebol como Rodrigo Pastana, mas não há nenhuma conversa oficial em andamento.

Foto de Diego Almeida/Pontepress

Comente com seu Facebook