Erro na bola parada e confiança na classificação: como o técnico Carpini avaliou a derrota Bugrina

0

O técnico Thiago Carpini, como de costume, assumiu total responsabilidade pela derrota do Guarani no retorno do Paulistão e confirmou que o revés não terá consequências nas pretensões de classificação: “temos uma pequena vantagem pro terceiro colocado, tem mais uma partida, está tudo em aberto”.

O primeiro tempo agradou o comandante alviverde, com volume de jogo, posse de bola e as melhores chances. Foram pelo menos 5 boas chegadas ao ataque adversário na etapa inicial.

O problema foi o início do segundo tempo e novamente em bola parada. “O erro foi nosso, foi meu, eu faço parte do proceso, eles fazem aquilo que eu peço (…) novamente tomamos gol de bola parada, é um probelma recorrente, precisamos melhorar”. Já o último gol foi classificado por ele como “infelicidade” já que o time se lançou ao ataque para o tudo ou nada.

O Guarani encerra participação na primeira fase do Paulista às 16 horas do próximo domingo, 26/70, contra o São Paulo na Vila Belmiro. Dependendo apenas de suas forças, o treinador se mostrou otimista em participar do mata-mata: “a classificação fica ameaçada a partir do momento que não conseguirmos fazer nosso resultado no domingo (…) hoje está muito próximo, real, e vamos trabalhar neste objetivo”. Para ele, será necessário inteligência e equilíbrio para avançar na competição.

Comente com seu Facebook