Em noite ruim da defesa, Ponte estreia com derrota no Paulistão contra o Santo André

0

A Ponte Preta estreou com derrota no Campeonato Paulista.

CAFÉ MORAES

A Macaca de Gilson Kleina recebeu o Santo André, comandado por Paulo Roberto Santos, mas acabou sendo derrotada por 3 a 2.

Os gols foram marcados por Roger e João Paulo para o time pontepretano. Ronaldo, Branquinho e Douglas Baggio marcaram para o Ramalhão.

O jogo se mostrou muito truncado desde o primeiro tempo. Debaixo de chuva, os dois times tiveram dificuldades na saída de bola e criação. As boas oportunidades foram mesmo através da bola parada.

Aos 18 minutos da etapa inicial, Bruno Rodrigues fez jogada individual e cruzou para Apodi. O atleta da Macaca foi puxado por Ricardo Luz dentro da área e o árbitro assinalou pênalti. Na cobrança, Roger abriu o placar para a Macaca: 1 a 0.

O gol de empate também surgiu em cobrança de pênalti. Dudu Vieira foi derrubado por Cléber Reis e Ronaldo deslocou Ygor Vinhas na cobrança de pênalti aos 25 minutos: 1 a 1.

O segundo tempo começou novamente com poucas oportunidades criadas e a bola parada se mostrava a principal arma de Gilson Kleina. O primeiro lance de perigo da etapa final ocorreu na cobrança de falta de Bruno Rodrigues, mas Roger desviou para fora.

Depois, aos 20 minutos, a defesa da Macaca estava mal posicionada e o Santo André aproveitou no contra-ataque. Douglas Baggio arrancou nas costas de Jefferson, fez o pivô e encontrou Branquinho para virar o jogo.

A Macaca até chegou a empatar na cobrança de falta com João Paulo. O meia bateu na direção de Henrique Trevisan, mas a bola não desviou em ninguém e venceu o goleiro Fernando Henrique.

Com o placar empatado, a Ponte Preta foi ao ataque procurando o terceiro gol, mas acabou sofrendo. Douglas Baggio venceu a dividida com Jefferson e estufou as redes da Macaca no Moisés Lucarelli: 3 a 2.

Comente com seu Facebook