Preocupado com a má fase do ataque do Guarani, o departamento de futebol iniciou a busca por reforços para o setor. A direção estuda de três a cinco nomes com prioridade para atletas experientes e prontos para assumir imediatamente uma vaga no time titular.

A ideia inicial, até pensando no planejamento financeiro, é buscar o empréstimo de jogadores que não estão sendo aproveitados na Série A. Este é considerado o modelo preferencial de negócio.

O ataque do Bugre não tem sido efetivo na Série B. É o pior ataque ao lado de Ponte Preta e Vila Nova. Foram apenas oito gols registrados em 13 jogos

Além disso, Lucão do Break e Bruno José foram os únicos que balançaram as redes na competição. Júlio César, Maxwell, Ronald, Lucas Venuto e Yago não estão em grande fase.

O departamento de futebol busca um jogador de referência para brigar com Lucão do Break e Nicolas Careca, além de um jogador de beirada com características próximas de Bruno Sávio em 2021.

O atacante Copete, do Avaí, chegou a ser sondado pela direção, mas a concorrência de outros clubes esfriou qualquer tipo de negociação com o atleta.

A janela de transferências será aberta apenas no dia 18 de julho.

Comente com seu Facebook