Depois de séria lesão, Crispim comemora retorno aos gramados e vira opção importante no setor ofensivo do Guarani

0
Foto: David Oliveira - Guarani Futebol Clube

O meia Lucas Crispim foi a surpresa positiva do Guarani na vitória sobre o Vitória na última rodada. Afastado por quase sete meses por causa de uma cirurgia no tendão de Aquiles, o jogador voltou a entrar em campo na vitória do Bugre contra o Londrina; também atuou na derrota para o Oeste. Mas o retorno efetivo como titular foi no sábado diante do Vitória e o meia teve participação fundamental para que o time conquistasse a vitória e mostrasse um bom futebol. Foi Lucas Crispim quem iniciou a jogada que terminou no único gol do jogo, de Michel Douglas.

ESPEL ELEVADORES

“Muito feliz por estar de volta. A gente sabe que jogador quer sempre estar jogando. Infelizmente tive esta lesão que me afastou por um bom tempo. Poder voltar da melhor forma é muito gratificante,” disse Crispim em entrevista coletiva na reapresentação do elenco na tarde desta segunda (16/09). O jogador confidenciou que fez um trabalho à parte, em casa, com fisioterapeuta particular para acelerar o retorno aos gramados. “O previsto era pra eu voltar com 7 ou 8 meses de lesão, mas poucos sabem e não gosto de ficar falando, estava tratando 3 vezes por dia, ninguém do clube sabia. Tanto é que meu fisioterapeuta particular, que era do clube, mas ia em casa e ninguém ficava sabendo porque era uma vontade minha, sabia que podia voltar antes e consegui voltar antes”. No próximo dia 23 a cirurgia de Crispim completa 7 meses.

Crispim afirmou que o técnico Thiago Carpini foi fundamental ao longo da semana de preparação para o jogo contra o Vitória. O time vinha de uma derrota em casa para o concorrente direto Oeste e, depois de uma semana de trabalhos, conseguiu uma boa atuação acompanhada do resultado positivo. “Ele (Carpini) soube conduzir o vestiário. Nós atletas nos reunimos, sabíamos da importância deste jogo que foi contra o Vitória e o Oeste foi página virada”.

Para o meia, o estilo de jogo do Guarani melhorou depois que a equipe passou a ser treinada por Carpini. “Mudou muito a cara do nosso time. É um cara que gosta muito de ficar com a bola, ele pede pra gente ter confiança pra ficar com a bola, ter mais posse, que consequentemente, você tendo mais a bola, vai ter mais chances pra criar (…) Era uma coisa que vinha faltando, nosso time não tinha muito a posse de bola, era mais diferente do que está hoje.”

O Bugre tem agora duas partidas consecutivas em casa. Dois pontos separam a equipe do primeiro time fora da zona de rebaixamento. Se a equipe engrenar mais dois resultados positivos no Brinco, é bem provável que consiga sair do Z-4 da Série B. “Os dois jogos em casa, total importância na nossa caminhada. Sabemos que, mesmo jogando em casa, vão ser jogos duros, difíceis. Vamos ter um concorrente direto (Criciúma) e a gente conta com o apoio da nossa torcida nestes jogos, que eles têm sido importantes na nossa caminhada”.

Comente com seu Facebook