De virada, Ponte perde para o Atlético-GO e chega a 3ª derrota como mandante na Série B

0
Foto: Gilberto Suffi/Rádio Bandeirantes

Jogando como mandante, mas fora de casa, a Ponte Preta perdeu, de virada, para o Atlético-GO por 3 a 1, na tarde deste sábado, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, em jogo válido pela sexta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Os gols da partida foram marcados por Paulinho, Rômulo e Júlio César (2x).

Com o resultado, a Macaca permanece com 7 pontos em seis jogos na competição. São duas vitórias, um empate e três derrotas (todas como mandante). O próximo compromisso será em oito dias, contra o Sampaio Corrêa, no Castelão, no Maranhão.

Com a entrada de Junior Santos na vaga de Felipe Cardoso, a Ponte Preta buscou velocidade nos primeiros minutos de jogo. A equipe de Doriva criava, mas não conseguiu finalizar com perigo contra a meta de Jefferson. O Atlético-GO, por sua vez, prioriza a marcação e tentava diminuir os espaços da Macaca.

Foram duas grandes chances da Ponte Preta no Nabi Abi Chedid. A primeira aos 30 minutos com Junior Santos. Ele recebeu de costas para o gol, girou e bateu de longe, mas parou em grande defesa do goleiro do Dragão. Depois, aos 37 minutos, o domínio territorial da equipe campineira foi recompensado com um gol.

Após grande jogada de Junior Santos pela direita, o atacante cruzou e a defesa atleticana afastou para os pés de Paulinho. O volante ajeitou, arriscou de longe e marcou um golaço sem chances de defesa para Jefferson: 1 a 0 para a Ponte Preta.

O Atlético-GO voltou para o segundo tempo tentando pressionar a Ponte Preta, que apostou no contra-ataque. Após blitz dos goianos, André Luis puxou contra ataque e cruzou para Junior Santos. Ele completou para o gol, mas a zaga do Dragão salvou em cima do lance.

A Macaca tentou controlar o relógio e valorizar a vantagem, mas acabou chamando o adversário para cima. Aos 21 minutos do segundo tempo, a defesa pontepretana assistiu o cruzamento do Atlético e Júlio César aproveitou na grande área para empatar o jogo em Bragança Paulista: 1 a 1.

A Macaca não reagiu após sofrer o gol de empate e o cenário ficou ainda mais complicado aos 25 minutos. Em lance semelhante ao gol de Paulinho, Rõmulo arriscou de longe, a bola desviou e matou o goleiro Ivan: 2 a 1 para o Dragão.

No momento em que a Macaca pressionava, o Atlético-GO aproveitou o contra-ataque com Junior Brandão. O atacante parou em Ivan, mas Júlio César completou de cabeça no rebote para fazer o segundo dele no jogo: 3 a 1 Atlético.

As entradas de Murilo Henrique e Roberto deram um novo dinamismo no ataque pontepretano, mas não foi o suficiente para impedir a terceira derrota em três jogos como mandante na Série B.

FICHA TÉCNICA

SÉRIE B: 6ª Rodada

LOCAL: Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista

ÁRBITRO: Caio Max Augusto Vieira

PONTE PRETA: Ivan; Igor Vinicius, Renan Fonseca, Reginaldo e Marciel (Felippe Cardoso); André Castro, Paulinho e Tiago Real (Murilo Henrique); André Luis (Roberto), Júnior Santos e Danilo Barcelos; Técnico: Doriva.

ATLÉTICO-GO: Jefferson; Alisson, Lucas Rocha, René (Oliveira) e Bileu (Junior Brandão); Mascarenhas, Fernandes, Rômulo, João Paulo e Júlio César; Renato Kayser (André Luis). Técnico: Claudio Tencati

GOLS: Paulinho, aos 37 minutos do primeiro tempo, para a Ponte Preta; Júlio César e Rômulo, aos 21 e 25 do segundo tempo, respectivamente, para o Atlético

CARTÕES AMARELOS: Tiago Real, André Luis e Fernandes

PÚBLICO e RENDA: Jogo com portões fechados

 

Comente com seu Facebook