De saída, volante ganhou mais de R$ 12 mil por minuto jogado na Ponte Preta

0

por júlio nascimento

A diretoria da Ponte Preta liberou o volante Ronaldo dos últimos treinamentos para resolver seu futuro e encaminhar a rescisão contratual com a Macaca. Contratado em dezembro, o atleta atuou em apenas dois jogos, não fez gol, não participou do título do Troféu do Interior e não conseguiu jogar uma partida inteira.

Ronaldo, entretanto, lucrou para vestir a camisa do clube campineiro. Por minuto jogado ele recebeu cerca de R$ 12,6 mil. Foram dois jogos, ambos pelo Campeonato Paulista, contra Palmeiras e Santos. Em nenhum deles, o volante conseguiu atuar por 90 minutos. Somados os minutos em campo, Ronaldo jogou por 38 minutos.

A reportagem do Portal CB apurou com dirigentes do Sport que os vencimentos de Ronaldo estão na casa dos R$ 80 mil – informação não confirmada pela Macaca. O jogador foi um pedido insistente do ex-treinador Eduardo Baptista, mas não obteve o rendimento físico e técnico que era esperado pela comissão técnica.

Após a saída de Baptista, perdeu espaço com Doriva e Brigatti. O último jogo em que foi relacionado foi a partida contra o Náutico, mas completou quatro meses sem entrar em campo e deve voltar ao Sport para procurar uma nova equipe.

No ano passado, Ronaldo foi negociado com o Ohod, da Arábia Saudita, mas conseguiu entrar em campo apenas em dez jogos em seis meses e optou por voltar ao Brasil alegando falta de adaptação ao Oriente Médio.

Além de Ronaldo, o volante Vitinho também foi liberado para resolver o futuro com os empresários e deve ser emprestado pela Macaca para ganhar experiência e minutos em campo.