Confira os números de Agenor, o novo goleiro do Guarani

0

por júlio nascimento

O Guarani tem uma nova opção para a camisa 1 no elenco. O goleiro Agenor assinou contrato na tarde desta quarta-feira, 1, no Brinco de Ouro e espera a regularização no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF para ficar à disposição de Umberto Louzer.

Agenor, 28 anos, 1m87cm, gaúcho de Viadutos, foi revelado pelo Inter de Porto Alegre, mas chamou atenção quando vestiu a camisa do Joinville. Eleito melhor goleiro do Campeonato Catarinense em 2016, Agenor chegou ao JEC em abril de 2015. Atuou em 52 partidas entre disputas da Série A, Série B, Copa do Brasil e Campeonato Catarinense. Também já defendeu o Criciúma, em 2010, onde conquistou o acesso à Série A.

Ele ainda tem passagem pelo Sport. Antes de rescindir com o clube pernambucano, na semana passada, Agenor disputou apenas três partidas – a última em 15 de abril. Não venceu a titularidade na concorrência com o ídolo Magrão e foi criticado por constantes falhas – principalmente pela dificuldade na saída do gol em cruzamentos.

Com a chegada de Agenor, o Guarani chega ao número de cinco goleiros no elenco. Oliveira, Georgemy, Carlão e Passarelli – que está à disposição dos clubes para empréstimo – completam a lista. Para o jogo de sexta-feira, contra o Londrina, pela última rodada do primeiro turno, Oliveira ainda deve ser o titular.

Temporada a temporada de Agenor

2018 (Sport) – 3 jogos/3 gols sofridos
2017 (Sport) – 9 jogos/6 gols sofridos
2016 (JEC/Sport) 23 jogos/22 gols sofridos
2015 (Joinville) – 33 jogos/41 gols sofridos
2014 (Internacional) – 2 jogos/1 gol sofrido
2013 (Internacional) – 4 jogos/5 gols sofridos
2012 (Internacional) – 1 jogo/2 gols sofridos
2011 (Internacional) – 1 jogo/1 gol sofrido
2010 (Criciúma) – 15 jogos/12 gols sofridos
2009 (Internacional B) – 18 jogos/18 gols sofridos
2008 (Internacional) – 1 jogo/2 gols sofridos
Total: 110 jogos/113 gols sofridos (média de 1,03 por jogo)

 

Comente com seu Facebook