Campanha do Bugre tem aproveitamento de menos de 27% fora nos últimos 2 meses

0

A regularidade bugrina no Campeonato Paulista da Série A2 não tem sido repetida nesta reta inicial de Brasileiro da Série B. Quando olhamos para a campanha da equipe longe do estádio Brinco de Ouro, é possível perceber que os alviverdes caíram de rendimento desde os últimos jogos da A2 e a situação perdura na competição nacional até o momento.

A última vez que o Bugre conquistou uma vitória longe de seus domínios foi no dia 11 de março diante do Juventus na Rua Javari pela 12ª rodada da primeira fase do Campeonato Paulista da Série A2. Depois, o Bugre acumulou 3 derrotas (para Portuguesa, Fortaleza e Atlético-GO) e um empate (diante do XV de Piracicaba). Ou seja, em cinco jogos (incluindo a partida diante do Juventus) o time teve um aproveitamento de 26,6% fora de casa.

Ao longo dos últimos trabalhos, os próprios atletas bugrinos reconheceram que talvez seja o momento de mudar o esquema de jogo fora de casa. “Eu não acho demérito nenhum a gente jogar fora de casa, teoricamente, como time pequeno, lá atrás, bem montado, uma equipe consciente do que tá fazendo para que a gente possa sair, fazer um contra ataque, fazer um gol e saber suportar a pressão”, disse o goleiro Bruno Brígido. O zagueiro Philipe Maia também ressaltou a importância de ter um sistema defensivo consistente no Serra Dourada diante do Goiás na sexta: “Tem que saber jogar a Série B. Tem que saber jogar fora de casa, é necessário, acho nesse jogo, a gente não levar gol. Isso será fundamental pra sairmos de lá com o resultado positivo.”