O nome de Felipe Saraiva, 22 anos, entrou em pauta no Guarani. O atleta está sem clube desde o final de junho quando deixou a Ponte Preta após imbróglio jurídico.

O caso ainda está na Justiça e o atacante treina com profissionais físicos contratados por seu estafe. A Ponte Preta alega que o jogador teria que cumprir uma clausula de renovação automática enquanto os empresários garantem que não tinha nenhum acordo de extensão no antigo contrato.

Livre no mercado até segunda ordem, Saraiva foi colocado em pauta no Brinco de Ouro e agrada ao técnico Thiago Carpini. A informação inicial é do repórter Marcos Luiz da equipe de Carlos Batista.

No ano passado o jovem atacante foi emprestado para o Botafogo onde disputou 29 jogos na Série B. Neste ano foi aproveitado em nove jogos e não marcou nenhum gol pela Ponte Preta.

Comente com seu Facebook