Após drama pessoal, atacante do Vila tenta recomeço e é oferecido ao Guarani

0

O Guarani já confirmou 10 contratações desde o início da Série B, mas ainda busca seu novo centroavante no mercado. Após a saída de Anselmo Ramon, a diretoria tenta encontrar um camisa 9 para brigar pela titularidade com Diego Cardoso e Davó.

ESPEL ELEVADORES

Carlos Henrique, de 24 anos, atualmente no Londrina, é um dos nomes trabalhados internamente, mas com conversas caminhando em ritmo lento. Léo Castro, da Ferroviária, foi monitorado, mas nenhuma proposta apresentada aos empresários do atleta e nem mesmo ao clube de Araraquara.

De acordo com informações de Marcos Luiz, da Rádio Bandeirantes, a diretoria recebeu um outro nome para analisar nos próximos dias.

Michel Douglas, de 27 anos, do Vila Nova. O atleta pertence ao Desportivo Alves, de Portugal, mas perdeu espaço no time goiano e não tem descartada uma saída para outro clube no futebol brasileiro. Ele disputou apenas uma partida na Série B e não enfrentaria problemas jurídicos para atuar no Bugre.

O atacante vive um dos anos mais difíceis da carreira e da vida pessoal também. Desde o início do ano acompanhava o estado de saúde debilitado do pai – que faleceu recentemente – e agora tenta a volta por cima. O centroavante marcou apenas um gol em 16 jogos no ano.

“É um momento difícil na vida. Faço uma coisa que era um sonho dele e meu. Temos de, sempre, manter a cabeça no lugar. É bem complicado, pois somos atacantes e queremos estar sempre ajudando a equipe, fazendo os gols. Futebol é momento. Fui muito feliz nos meus dois últimos anos, marcando muitos, mas aqui no Vila ainda não aconteceu”, disse após o jogo contra o Londrina no dia 1º de junho.

Michel Douglas é centroavante que gosta da área. Canhoto, tem 1m86cm e com 23 gols marcados em seis anos de carreira. Começou na Portuguesa e ainda passou por Boa Esporte, Tupi, CSA e Vila Nova.

Comente com seu Facebook