Zenon, Neto e Djalminha… Três dos grandes meio-campistas que vestiram a camisa do Guarani em toda história. A lista é extensa e deixa o torcedor encantando relembrando grandes atletas da posição que passaram pelo Brinco de Ouro.

O Portal CB listou 10 nomes que passaram pelo Bugre e registraram boas atuações e conquistaram seu espaço na memória dos torcedores alviverdes.

E qual meia que você lembraria na história do clube? Deixe na caixa dos comentários.

NETO
Um dos grandes nomes da história do Corinthians na década de 90, Neto foi revelado para o futebol no Brinco de Ouro e um dos principais protagonistas da década de 80 com golaços memoráveis, como a bicicleta na final do Paulistão de 88, além de convocações para Seleção Olímpica e muita qualidade na bola parada.

ZENON
Após brilhar com a camisa do Avaí, Zenon desembarcou para ser um dos comandantes do título de 1978 e acabou se tornando para muitos o maior meia da história do clube. Chegou a ser convocado para Seleção Brasileira em 79 e depois contratado pelo Corinthians. Fundamental no título brasileiro também pelos gols marcados contra Internacional e Vasco da Gama.

DJALMINHA
Filho de Djalma Dias, Djalminha é… Um meia clássico, habilidoso e que está na memória do torcedor bugrino. Mal aproveitado no Flamengo, Djalminha foi repassado ao Guarani e atuou entre 1993 e 96. Fez trio que marcou época em 94 com Luizão e Amoroso.

RENATO
“Renato Morungaba foi o Kaká dos anos 80”, citam cronistas esportivos. A comparação é famosa e o próprio meia admitiu que existem semelhanças, mas manteve a humildade no discurso. De fato é que Renato é um dos grandes nomes da história do Guarani, São Paulo e respeitado no futebol japonês. Peça fundamental na conquista de 78.

FUMAGALLI
Mais de 300 jogos e 90 gols marcados. Fumagalli está entre os principais goleadores da história do Guarani mesmo atuando em um período de menos sucesso do clube. Peça fundamental em campanhas como Paulistão 2012, Série C 2016 e Série A2 2018.

EDU LIMA
Com uma canhota afiada se tornou um dos mais importantes jogadores da década de 90 do Guarani. Edu Lima também se tornou referência no futebol mineiro e baiano.

PIOLIM
Piolim dividiu com Zuza o posto de maior ídolo da torcida bugrina no período antes da conquista do Brasileirão. Além da contribuição pela entrega em campo, se destacava com gols e foi peça fundamental no título histórico de 1949.

AÍLTON LIRA
Histórico meia do São Paulo, Ailton Lira também vestiu a camisa do Guarani e fez boas tabelas com Jorge Mendonça. Considerado uma das grandes promessas do futebol na época, driblou lesões e ainda teve um período de destaque no futebol nacional.

AMÉRICO MUROLO
Américo Murolo foi o grande comandante do meio-campo do Bugre que goleou o Santos de Pelé por 5 a 1 no Brinco de Ouro. Também marcou época atuando no Palmeiras e no Flamengo.

ELANO
Titular em Copa do Mundo, Elano conquistou muitos títulos entre Seleção Brasileira, Manchester City e Shakthar Donestk, mas iniciou sua carreira no Brinco de Ouro e chamou atenção do Santos ainda no período das categorias de base. Ficou no Bugre até 2000.

Menções honrosas: Bruno Nazário, Barbieri, Banana, Alfredo, Manguinha, Benê e Robson Ponte

Comente com seu Facebook