Três volantes ou 2 meias: as alternativas de Kleina para confronto diante do CSA

0

O técnico Gilson Kleina manteve o mistério sobre os titulares pontepretanos que entram em campo esta noite diante do CSA em Maceió. No último trabalho, no CT do CRB, o comandante fez uma atividade de posicionamento dos atletas, aliado a jogadas de bola parada (foi assim que a Macaca conseguiu vencer o CRB na rodada passada).

NA TELA DA BAND

Pelos indicativos dos poucos trabalhos que a imprensa teve acesso esta semana e até pelas declarações de treinador e atletas, o Kleina deve manter o 4-4-2 e tem apenas uma dúvida: jogar com 3 volantes ou 2 meias. É improvável que o comandante retorne ao esquema utilizado pelos antecessores dele: o 4-3-3.

Sem problemas por contusão ou suspensão, o quarteto defensivo e o goleiro Ivan seguem na equipe, assim como os volantes João Vítor e Lucas Mineiro. Além dos dois, os meias Matheus Vargas e Tiago Real e o volante Paulinho duelam por duas vagas no meio-campo alvinegro.

A ideia de jogar com o volante Paulinho ao lado de Real ou Vargas é povoar mais o meio campo e tentar conter o ímpeto ofensivo do adversário que jogará em casa, provavelmente empurrado por grande torcida e que pode cair para a quarta posição se não vencer os pontepretanos. Neste caso, Paulinho e Tiago Real devem ser as melhores opções, já que são jogadores mais experientes do que Vargas.

No entanto, Kleina pode fazer um posicionamento mais defensivo com a linha de 4 marcadores e fechar o meio-campo com os dois volantes que têm características de marcação. Neste caso, Paulinho ficaria como opção no banco de reservas e o comandante ainda teria dois meias na tentativa de armar com mais qualidade as jogadas ofensivas.

A outra questão que ainda não foi resolvida pelo treinador é na referência ofensiva. No último jogo, Hyuri foi o escolhido, mas Junior Santos teve oportunidade no segundo tempo e colocou uma dúvida em Kleina.

O treinador só deve divulgar os onze titulares cerca de uma hora antes do jogo, que começa às 21h30. A provável formação da Ponte terá: Ivan; Igor, Renan Fonseca, Reginaldo e Danilo Barcelos; João Vítor, Lucas Mineiro, Tiago Real e Matheus Vargas (Paulinho); André Luís e Hyuri (Junior Santos).

Comente com seu Facebook