1981: Guarani é campeão da Taça de Prata

0

A Série B do Campeonato Brasileiro, conhecida em 1981 como Taça de Prata, contou com 48 times divididos em seis grupos. O Guarani iniciou a competição com vitória contra o Coritiba por 1 a 0 e fechou a primeira fase na liderança do grupo com cinco vitórias consecutivas. Na segunda fase, diante do Americano-RJ e do Palmeiras, venceu os dois jogos no Brinco e perdeu os dois como visitante, ficando na segunda posição atrás do líder Palmeiras.

NA TELA DA BAND

Na semifinal, diante do Comercial, venceu tanto em Campinas como no Mato Grosso do Sul e foi para a final contra o Anapolina. No primeiro jogo, em Goiás, vitória por 4 a 2 do Bugre, que jogaria pelo empate no Brinco. Dito e feito: Marcelo abriu o placar para o Guarani aos 21 minutos do primeiro tempo e Osmário, aos 45 do segundo tempo, empatou e decretou o resultado final de 1 a 1.

O Guarani ficou com o título da Segunda Divisão do Nacional em 1981.

GUARANI 1 X 1 ANAPOLINA

Local: Brinco de Ouro

Juiz: Manuel Serapião Filho (BA)

Renda: Cr$ 1.625.400,00;

Público: 12.452

Gols: Marcelo 21 do 1.o e Osmário 45 do 2.o.

Cartões Amarelos: Ribas, Osmário, Lúcio e Capitão

Guarani: Birigüi, Miranda, Jaime, Édson, Almeida, Edmar, Ângelo, Jorge Mendonça, Lúcio, Marcelo (Paulo César) e Capitão (Frank). Técnico: Zé Duarte.

Anapolina: Nílson, Assis (Wilson Santos), Ribas, Sidnei, Nilton, Paulo Sérgio, Mário, Nei, Jorge Luiz, Osmário e Esquerdinha (Rodrigues). Técnico: Marcius Fleury.

Comente com seu Facebook