Presidente do Guarani faz balanço sobre parceria, futebol e nova Arena

0

O presidente do Guarani compareceu ao estúdio do Jogo Aberto Regional, na Band Campinas para uma entrevista exclusiva sobre os próximos passos do clube. Em quase 20 minutos, ele respondeu à diversas questões que tomam conta do clube no momento, incluindo principalmente o processo de co-gestão no departamento de futebol. A seguir, separamos as principais respostas do presidente em texto e vídeo:

NA TELA DA BAND

Presidente afirmou que é bom para o Guarani a possibilidade de ter dois importantes parceiros interessados na co-gestão do Guarani.

Palmeron fez um balanço negativo quando o time ‘perdeu’ 2 jogadores: Bruno Brigido e Bruno Nazário. Mas ele também ressaltou que 2018 foi um ano bom para o clube. Mesmo assim, ele reafirmou a necessidade da parceria para que o Guarani tenha mais poder financeiro para brigar pelo acesso à Série A. O mandatário também manifestou o interesse em manter Umberto Louzer como treinador para a temporada 2019.

Palmeron reafirmou que ao Guarani não vai perder autonomia do Conselho de Administração. E explicou a diferença de terceirização e co-gestão.

Na entrevista, o presidente confirmou os trabalhos para a escolha da área para a nova Arena do clube e adiantou alguns locais que já foram oferecidos ao Guarani. Mas que a efetivação da compra do terreno depende de um cronograma que está sendo definida pela juíza responsável pela arrematação e pagamentos das dívidas do clube, o que deve ser definido ainda este ano.

 

Comente com seu Facebook